síndrome do intestino irritável cólon irritável

32 doenças tratadas com Acupuntura tradicional chinesa

Este artigo tem como público alvo alunos e terapeutas de acupuntura tradicional chinesa e é um artigo de consulta e estudo.

Este artigo pretende mostrar como seria feito um tratamento em acupuntura tradicional chinesa mas ele não é indicativo da validade do mesmo.

É necessário ter consciência dos seguintes factos:

1 – em muitas doenças existem tratamentos mais eficazes e a acupuntura não é indicada como tratamento de primeira linha para nenhuma destas doenças;

2 – em muitas doenças ou sintomas a acupuntura tradicional chinesa é usada para potencializar os efeitos da matéria médica (insónia, obstipação, etc…). 

Efetivamente a medicina chinesa vê o tratamento como uma ação sinérgica de várias terapias como acupuntura, exercício, fitoterapia e alimentação e não como a aplicação isolada destas ferramentas terapêuticas.

3 – a acupuntura pode ser útil no alívio de alguns sintomas de uma doença mas não significa que consiga tratar a doença (sinusite, menstruação irregular) ou aliviar todos os sintomas de uma doença (herpes zoster);

4 – noutros casos a acupuntura pode ser útil no alívio de sintomas mas precisa de ser pensada noutros moldes como é o exemplo da acupuntura contemporânea que é mais eficaz para tratar zumbidos provocados por tensão muscular;

5 – a acupuntura tradicional chinesa pode não ser eficaz para tratar uma queixa apesar de ser tradicionalmente aconselhada para a mesma (disfunção erétil, zumbidos ou surdez);

6 – o raciocínio clínico aqui demonstrado é baseado na teoria base da medicina chinesa para doenças viscerais.

No entanto existem outras formas tradicionais de pensar a acupuntura para outros problemas como os músculo-esqueléticos e outras forma de acupuntura contemporânea de tratar problemas viscerais.

O leitor não deve ler este artigo como um conselho de saúde e deve sempre ser acompanhado pelo seu médico.

Disfunções emocionais tratadas com acupuntura tradicional chinesa

Insónia

Por insónia compreende-se a dificuldade que uma pessoa tem em dormir normalmente.

Compreende-se vários tipos de distúrbios entre dificuldade em adormecer, acordar mais cedo, sono leve, dificuldade em voltar a adormecer após acordar, etc…

Classifica-se como: Shi Mian (insónia).

Diagnóstico de acordo com os princípios da acupuntura tradicional chinesa

Vazio de Qi do Baço e Coração

  • Dificuldade em adormecer [1],
  • sonhos,
  • astenia física,
  • tonturas,
  • alterações de memória,
  • dilatação abdominal,
  • sono leve (acorda facilmente),
  • acorda muito cedo e não consegue voltar a dormir[2],
  • anorexia,
  • palpitações,
  • língua pálida e marcada pelos dentes,
  • pulso fino e fraco.

Vazio de Yin do Coração e Rim

  • Acorda durante a noite,
  • agitação física e psíquica,
  • sono pobre (acorda muitas vezes à noite) ou incapacidade de dormir a noite toda,
  • insónia crónica,
  • zumbidos,
  • tonturas,
  • febre vespertina,
  • suores nocturnos,
  • lombalgia,
  • palpitações,
  • fraqueza dos membros inferiores,
  • boca e garganta secas,
  • língua vermelha sem capa,
  • pulso fino, superficial e rápido.

Vazio de Qi do Coração e Vesícula Biliar

  • Sono leve,
  • acorda muito cedo e é incapaz de adormecer novamente,
  • sonhos agitados ou pesadelos,
  • grande timidez,
  • sudação espontânea,
  • palpitações,
  • astenia,
  • falta de iniciativa,
  • língua pálida,
  • pulso fino e fraco.

Subida de Yang do Fígado

  • Dificuldade em adormecer,
  • agitação física e psíquica,
  • muitos sonhos,
  • acorda durante a noite,
  • irritabilidade,
  • palpitações,
  • zumbidos,
  • lombalgia,
  • tonturas,
  • face vermelha,
  • olhos vermelhos e secos,
  • emissões nocturnas,
  • acessos de calor,
  • tendência para acessos de raiva,
  • boca e garganta seca,
  • suores nocturnos,
  • língua vermelha sem capa, pulso fino e rápido.

Plenitude Calor do Fígado ataca Coração

  • Dificuldade em adormecer,
  • acorda facilmente (sono leve),
  • sonhos muito intensos,
  • pode não conseguir dormir,
  • irritabilidade associada a insónia,
  • tendência para acessos de raiva,
  • febre,
  • boca e garganta secas ou erosão da mucosa bucal,
  • desejo de beber bebidas frias,
  • sabor amargo na boca,
  • olhos vermelhos e secos,
  • cefaleia,
  • urina escura e escassa,
  • obstipação,
  • língua vermelha com capa amarela e seca, pulso cheio e rápido.

Humidade-Mucosidade-Calor

  • Dificuldade em adormecer ou incapacidade em dormir,
  • pesadelos e sono inquieto,
  • sensação de peso e calor na cabeça,
  • preferência por ambientes arejados para dormir,
  • intolerância ao calor,
  • insónia pode ser desencadeada por consumo de determinados alimentos,
  • sensação de peso no peito que dificulta respiração e na cabeça,
  • expectoração amarela e seca,
  • expectoração pode ser escassa,
  • regurgitação ácida,
  • sensação de queimadura no epigástrio,
  • náuseas,
  • sabor amargo na boca,
  • mau hálito,
  • língua vermelha com capa pegajosa e amarela, pulso rápido e deslizante.

Estagnação de Qi e Estase de Sangue

  • Insónia de longa duração,
  • depressão,
  • opressão torácica,
  • eructações,
  • distensão torácica ou dor tipo facada,
  • língua púrpura, pulso tenso.

Tratamento de acupuntura tradicional chinesa para insónia

Selecção de pontos para insónia: 7C, Anmian, Sishencong,

Os pontos extra são locais muito usados na insónia. 7C tem acção no Coração e como tal serve para tratar casos de insónia. Na realidade é dos mais usados no tratamento da insónia.

Outros pontos a usar: 6BP, 13VB, 20VG, 24VG, Yintang.

Selecção de pontos de acordo com os padrões clinicos:

Vazio de Qi do Baço e Coração: 15B, 20B, 2BP, 36E

15B e 20B são os Shu das costas dos órgãos visados.

2BP é ponto de tonificação do Baço (muito bom para tonificar o Qi do Baço) e o 36E é um ponto geral para tonificar o Qi tendo acção particularmente relevante no sistema digestivo.

Outros pontos a usar: 3BP, 4BP, 6BP, 12VC, 12VC, 21B.

Vazio de Yin do Coração e Rim: 6R, 6BP, 17VC

O 6R nutre o Yin e acalma a mente.

O 6BP é o ponto de reunião dos 3 Yin da perna e nutre o Yin.

O 17VC regula o AS, onde se encontra o Coração, e acalma a mente.

Outros pontos a usar: 3R, 7R.

Vazio de Qi do Coração e Vesícula Biliar: 15B, 19B, 36E, 12VC

Esta é uma combinação base para tonificar o Qi (36E e 12VC) do coração (15B) e da Vesícula Biliar (19B).

Outros pontos a usar: 6BP, 24VB, 4IG.

Subida de Yang do Fígado: 6R, 62B, 20VB, 1B

O 6R nutre o Yin (ponto de abertura do Yin Qiao Mai) enquanto que o 62B (ponto de abertura do Yang Qiao Mai) elimina calor acalmando o Yang e o 1B faz a ligação entre os 2 meridianos maravilhosos (Yin Qiao e Yang Qiao Mai).

O 20VB é um ponto local que acalma o yang e a mente.

Outros pontos a usar: 6BP, 3R, 8F.

Plenitude Calor do Fígado ataca o Coração: 2F, 8MC, 20VB, 4IG

Neste casos recorremos a um ponto geral para eliminar calor (4IG) e 2 shu cuja função também é eliminar calor.

O único local (20VB) tem como função acalmar o Yang e, desde logo, aliviar os sintomas decorrentes do calor.

Outros pontos a usar: a combinação 62B, 6R e 1B também pode ser aqui usada.

No entanto e atendendo aos princípios de tratamento, caso os sintomas de calor sejam muito intensos, poderíamos dar mais atenção à acção de eliminar calor do 62B do que a de nutrir o Yin do 6R.

Humidade-Mucosidade-Calor: 9BP, 5MC, 4IG, 8E, 40E

4IG, 40E e 8E fazem uma combinação do mesmo par de meridianos com pontos do mesmo meridiano locais e distais que tem como função eliminar Humidade-Mucosidade-calor da cabeça e acalmar a mente.

O 9BP é um ponto geral para eliminar Humidade e o 5MC elimina Humidade quando esta afecta a cabeça e, desde logo, acalma a mente.

Outros pontos a usar: 6BP, 24VG, 23VG, 20VG.

Estagnação de Qi e Estase de Sangue: 17B, 6MC, 34VB, 13VB

17B ativa o Sangue e todos os outros movem o Qi.

O 6MC move o Qi  e acalma a mente.

O 34VB e 13VB fazem uma combinação de pontos do mesmo meridiano locais e distais que tanto move o Qi como acalma a mente (13VB).

Outros pontos a usar: 34VB, 3F, Yintang.

Pontos sintomáticos para sintomas relevantes que possam acompanhar a insónia:

  • Palpitações: 6MC, jiaji 1D até 5D
  • Agitação física e psíquica: Yintang, 23VG
  • Boca e garganta seca: 6R, 9E, 22VC
  • Olhos vermelhos e secos: 1B, 20VB, 37VB, qiuhou, Shangming
  • Suores nocturnos: 7R, 6C
  • Urina escura e escassa: 7R, 3VC
  • Obstipação: 6TA, 37E
  • Expectoração: 40E, 22VC
  • Sabor amargo na boca: 40VB

NOTAS FINAIS


[1]No caso de Vazio de Sangue do Coração o paciente apresenta dificuldade em dormir. No Vazio de Qi apresenta sono leve e acordar fácil. No entanto como o Vazio de Qi do Baço e Coração tende a provocar um Vazio de Sangue do Coração é natural que este sintoma apareça.

[2] Este sintoma é típico dos padrões de deficiência, em particular, do Baço e Coração.

Esquizofrenia

Esquizofrenia é uma doença de foro psiquiátrico caracterizada por incapacidade de adaptação ao ambiente externo, descoordenação ao nível dos sentimentos e raciocínio, ausências, alucinações visuais e auditivas, hiperafetividade ou indiferença perante os outros.

A presença de um ou mais destes sintomas deve fazer sentir-se pelo menos por um mês.

Diagnóstico de esquizofrenia na acupuntura tradicional chinesa

Vazio de Qi do Coração e Baço

  • Depressão,
  • regra geral mantêm-se em silêncio e demonstra indiferença perante os acontecimentos circundantes,
  • mais susceptível a chorar,
  • estados de transe,
  • palpitações,
  • apetite pobre,
  • fezes moles,
  • língua pálida, marcada pelos dentes e pulso fraco.

Estagnação de Qi com mucosidade

  • Depressão,
  • demência,
  • indiferença,
  • tendência para divagar,
  • alterações de apetite,
  • língua com capa espessa pegajosa e varicosidades sublinguais, pulso tenso ou deslizante.

Estagnação de Qi e Estase de Sangue

  • Muito susceptível a alterações mentais bruscas,
  • insónia,
  • ilusões,
  • mania de longo termo,
  • língua púrpura com varicosidades sublinguais, pulso tenso.

Plenitude Calor do Fígado e Coração

  • Insónia,
  • mania,
  • grande agitação física e psíquica,
  • força excessiva,
  • febre,
  • face vermelha,
  • olhos vermelhos,
  • erosão da mucosa bucal,
  • obstipação,
  • fezes secas,
  • urina escura e escassa,
  • língua vermelha com capa amarela e espessa, pulso cheio, rápido e tenso.

Acupuntura tradicional chinesa no tratamento de esquizofrenia

Selecção de pontos para esquizofrenia: 7MC, 40E, 24VG, 20VG

24VG e 20VG são locais e 7MC e 40E são distais. Estes pontos são considerados sintomáticos para o tratamento de problemas psiquiátricos.

Outros pontos podem ser usados: 23VG, 13VB, 5MC, 6MC, 8MC, 15VC, 7C.<

Selecção de pontos de acordo com os padrões clínicos:

Vazio de Qi do Coração e Baço: 15B, 20B, 17VC, 12VC, 36E

36E é um ponto geral para tonificar o Qi.

O 17VC e 12Vc são pontos com forte acção a tonificar o Qi e com forte acção local a nível dos aquecedores em que actuam.

Também são pontos de órgão muito associados aos órgãos afectados.

Finalmente temos os Shu das costas dos órgãos afectados.

Outros pontos podem ser usados: 4BP, 30E, 6BP, 6VC, 4VC.

Estagnação de Qi com Mucosidade: 34VB, 13VB, 6MC

Uma vez que o ponto para eliminar Mucosidades (40E) já se encontra no protocolo base decidimos recorrer somente a pontos para mover o Qi e acalmar a Mente.

O 13VB foi usado enquanto local para acalmar a Mente e para mover o Qi.

Outros pontos a usar: 4 portões, 3 F em particular se desejarmos recorrera uma combinação de pontos do mesmo par de meridianos.

Neste caso preferimos recorrer a uma combinação de pontos locais e distais do mesmo meridiano (13VB e 34VB).

O 5MC também pode ser usado uma vez que elimina Humidade e acalma a Mente.

Estagnação de Qi e Estase de Sangue: 6MC, 17B, 14F

17B é especifico para o Sangue.

6MC e 14F movem o Qi do Fígado.

O 14F é local para combater qualquer agressão do Qi do Fígado ao Coração e o 6MC tem uma grande acção a nível da Mente.

Outros pontos a usar: 13VB, 20VB, 34VB, 14F

Plenitude Calor do Fígado e Coração: 2F, 8MC, 14VG, 6C

Neste protocolo recorremos aos 2º pontos shu (2F e 8MC) para eliminar calor.

O 8MC também é um ponto fantasma de Sun Si-Miao.

14VG tem grande capacidade para eliminar calor e também acalma a Mente e o 6C é um ponto de emergência.

Pontos sintomáticos para sintomas relevantes:

  • Insónia: Anmian, 7C
  • Perda de consciência: 26VG, 25VG
  • Dentes cerrados: 6E.

Histeria

Mais frequente em mulheres jovens esta patologia apresenta como sintomas característicos: afasia súbita, depressão, cantar sem razão aparente, começar a rir sem razão aparente, globus histericus, cegueira, síncope histérica, tremor, dormência dos membros.

Diagnóstico da histeria na acupuntura tradicional chinesa

Estagnação de Qi do Fígado

  • Sensação de distensão no peito e hipocôndrio,
  • depressão,
  • sensação de caroço na garganta irremovível(1),
  • eructações,
  • vómitos,
  • regurgitação ácida,
  • cegueira,
  • afasia súbita,
  • surdez,
  • língua vermelha ou púrpura com varicosidades sublinguais e pulso tenso em corda.

Estagnação de Qi do Fígado com Vento-Mucosidade(2)

  • Sensação de caroço na garganta irremovível,
  • ingestão de alimentos normal,
  • agrava com estados emocionais,
  • perda de consciência súbita,
  • punhos cerrados,
  • opressão torácica,
  • convulsões,
  • pestanejar muito e tremor da cabeça,
  • espasmos musculares faciais,
  • paralisia súbita,
  • língua com capa pegajosa e pulso em corda.

Vazio de Sangue do Fígado(3)

  • Depressão,
  • chora sem razão aparente,
  • tem acessos de alegria ou de raiva,
  • ansiedade,
  • insónia,
  • irritabilidade,
  • tendência para ser mais medrosa,
  • afonia súbita,
  • perda de consciência em casos severos,
  • visão nublada,
  • tonturas,
  • canta em vez de falar,
  • língua pálida, pulso em corda.

Acupuntura tradicional chinesa para tratar histeria

Seleção de pontos para histeria na medicina chinesa: 6MC, 17VC, 7C

Todos estes pontos são usados para acalmar a mente e regular o Coração.

Seleção de pontos de acordo com os padrões clínicos:

Estagnação de Qi do Fígado: 14F, 34VB, 13VB, 22VC

Nestes casos recorremos a pontos específicos para mover o Qi do Fígado e regularizar o AS.

Em termos sintomáticos temos a combinação 34VB e 13VB usada em depressão por Estagnação de Qi do Fígado.

22VC em caso de sensação de caroço na garganta assim como para outros sintomas como eructações.

14F e 34VB que são bons para tratar sensação de distensão no hipocôndrio e regurgitação ácida.

Outros pontos a usar para histeria na acupuntura tradicional chinesa: 4IG, 3F, 6BP.

Estagnação de Qi do Fígado com Vento-Mucosidade: 4IG, 3F, 40E, 20VB

Neste caso recorremos ao 40E para as mucosidades e para eliminar a sensação de caroço na garganta.

O 20VB para eliminar Vento e aliviar sintomas como pestanejar muito e tremores da cabeça e à combinação dos 4 portões para regularizar o Qi do Fígado.

Outros pontos a usar: 34VB, 25VG.

Vazio de Sangue do Fígado: 17B, 36E, 20VG, 6BP

17B, 36E e 20VG é uma combinação para tratar o padrão de Vazio de Sangue do Fígado, especialmente, quando existem sintomas que afectem a mente.

O 6BP é o ponto de reunião dos 3 Yin da perna e, como tal, ajuda a regular as funções do Fígado.

Pontos sintomáticos para sintomas relevantes:

  • Cegueira: 20VB, 37VB, 1B
  • Visão nublada: 4IG, 37VB
  • Afasia histérica: 5C
  • Surdez: 2VB, 21TA, 6TA
  • Globus histéricus: 22VC, 9E, 4IG
  • Perda de consciência: 26VG, 25VG
  • Depressão: 7MC, 15VC
  • Regurgitação ácida: 41VB, 5TA
  • Vómitos: 19E, 14VC, 24E.

Depressão

Um estado de letargia e tristeza é a caraterística distintiva da depressão. Durante esta fase os pacientes perdem o interesse pela vida, pelos seus projectos sociais e desenvolvem uma personalidade pouco social.

Diagnóstico da depressão

Estagnação de Qi do Fígado

  • Depressão,
  • distensão hipocondríaca,
  • distensão abdominal,
  • eructações,
  • apetite pobre,
  • movimentos intestinais anormais,
  • língua com varicosidades sublinguais, pulso em corda.

Estagnação de Qi que gera calor

  • Depressão,
  • irritabilidade,
  • sabor amargo na boca,
  • boca e garganta secas,
  • dor tipo distensão no hipocôndrio,
  • zumbidos,
  • face vermelha,
  • olhos vermelhos,
  • obstipação,
  • língua vermelha com capa amarela, pulso rápido em corda.

Humidade-Mucosidade no Baço

  • Depressão,
  • sensação de peso no corpo ou mais localizada na cabeça,
  • astenia física,
  • sonolência,
  • alterações de apetite,
  • aumento de peso,
  • fezes moles,
  • língua pálida com capa branca a e pegajosa, pulso deslizante.

Acupuntura tradicional chinesa para tratar depressão

Seleção de pontos para depressão na medicina chinesa: 40E, 7MC, 23VG.

Este é um conjunto de 3 pontos (1 local e 2 distais) com acção sobre a mente.

Selecção de pontos de acordo com os padrões clinicos:

Estagnação de Qi do Fígado: 34VB, 6TA, 14F, 6MC

Esta é uma combinação de pontos de 2 pares de meridianos diferentes:

(1) Shao Yang com o 34VB e 6TA;

(2) Jue Yin com o 14F e 6MC.

Todos são especifícos para mover o Qi do Fígado.

Outros pontos a adicionar para depressão na acupuntura tradicional chinesa: 17VC, 3F, 5TA, 41VB, 4BP.

Estagnação de Qi que gera calor: 43VB, 3F, 5TA, 14F

Neste caso recorremos a uma combinação de pontos do mesmo meridiano no sentido de mover o Qi do Fígado e uma combinação de pontos do mesmo par de meridianos (Shao Yang) com o 43VB e 5TA com o objectivo de eliminar Calor e regular Qi do Fígado e Vesícula Biliar.

Outros pontos a adicionar: 2F, 34VB, 20VB.

Humidade-Mucosidade no Baço: 9BP, 12VC, 8E, 36E

9BP, 36E e 12VC é uma combinação base que permite eliminar Humidade e fortalecer o Baço.

O 8E é um ponto local que elimina Humidade da cabeça.

Neste caso temos uma combinação de pontos do mesmo meridiano, um local e outro distal, com função de eliminar Humidade da cabeça (36E e 8E).

Outros pontos a adicionar para depressão na acupuntura tradicional chinesa: 6BP, 20B.

Pontos sintomáticos para sintomas relevantes:

  • Zumbidos: 2VB, 41VB, 5TA
  • Opressão torácica: 6MC, 17VC
  • Fezes moles: 25E, 25B, 37E

acupuntura tradicional chinesa 40E

Doenças da cabeça e orgãos dos sentidos tratadas com acupuntura tradicional chinesa

Sinusite

Sinusite é uma inflamação dos seios perinasais (frontal, etmoidal, maxilar, e esfenoidal).

É caracterizada por alguns sintomas gerais como congestão nasal, secreção espessas e amarelas ou esverdeadas, cefaleia frontal, dor infraorbital com seios sensíveis ao toque.

A sinusite pode complicar em:

Laringite: voz rouca, garganta seca e dorida.

Traqueíte: dor retroesternal, tosse, dor que agrava com tosse.

Bronquite aguda: dor retroesternal, tosse e dor que agrava com a tosse, tosse productiva com expectoração amarela.

Abcesso: febre, dor local.

Diagnóstico da sinusite na Medicina chinesa

Invasão de Vento-Calor

  • sinusite com secreção amarela e purulenta,
  • obstrução nasal,
  • cefaleia (dor de cabeça),
  • diminuição do olfato,
  • febre e calafrios,
  • aversão ao vento,
  • língua vermelha com capa fina e amarela, pulso flutuante e rápido.

Plenitude Calor no Pulmão

  • Secreção amarela e purulenta,
  • secreções com cheiro fétido,
  • tosse seca,
  • sensação de calor no Pulmão,
  • nariz vermelho,
  • febre,
  • aversão ao calor,
  • preferência por aplicações locais de frio,
  • cefaleia que agrava com calor,
  • língua vermelha com capa amarela e espessa, pulso rápido e cheio.

Plenitude Calor na Vesícula Biliar

  • sinusite com secreção espessa e amarela e purulenta,
  • secreção com cheiro fétido,
  • sabor amargo na boca,
  • dor no hipocôndrio,
  • boca e garganta secas,
  • febre,
  • aversão ao calor,
  • irritabilidade,
  • sintomas agravam com acessos de raiva,
  • sede,
  • língua vermelha com capa espessa e amarela, pulso em corda, rápido e cheio.

Humidade-Mucosidade-Calor no Baço

  • Secreção nasal espessa, amarela e purulenta,
  • secreção com cheiro fétido,
  • sensação de peso na cabeça em particular nos seios perinasais,
  • cefaleia frontal que agrava com calor,
  • sensação de peso associada à dor,
  • febre,
  • anorexia,
  • dilatação abdominal,
  • preferência por alimentos frios,
  • língua vermelha com capa amarela e pegajosa, pulso deslizante e rápido.

Acupuntura tradicional chinesa na sinusite

Selecção de pontos para sinusite: Yintang, Bitong, 20IG e 4IG.

O protocolo base é idêntico ao usado para tratar a rinite. Este protocolo é direcionado, principalmente, para a congestão nasal e rinorreia (secreção nasal).

Algumas alterações podem ser possíveis como adicionar o 2E e 3E.

Estas alterações são feitas de acordo com a presença de sintomas tipo dor de cabeça ou dor nos seios.

Por exemplo, para cefaleia (dor de cabeça) frontal pode adicionar-se 2B e 14VB, para cefaleia supra-orbital adiciona~se 2B, yuyao e taiyang.

Para dor na face os pontos 2E e 3E são os escolhidos.

Selecção de pontos de acordo com os padrões clinicos:

Invasão de Vento-Calor: 14VG, 10P, 7P, 5TA

14VG e 7P eliminam vento.

14VG, 5TA eliminam Vento e Calor.

14VG, 10P e 5TA eliminam Calor.

O 14VG é dos mais importantes nesta combinação.

Outros pontos a usar: 16VG, 20VB, 12VB.

Plenitude Calor no Pulmão: 11IG, 14VG, 10P

11IG e 14VG são pontos gerais para eliminar calor enquanto o 10P serve para eliminar Calor do Pulmão.

Não nos podemos esquecer que neste caso já temos o ponto 4IG no protocolo base.

Outros pontos a usar: 5TA.

Plenitude Calor na Vesícula Biliar: 10P, 43VB, 14VG, 2F

10P, 2F e 43VB são 2º pontos Shu e eliminam calor dos respectivos órgãos.

O ponto 14VG elimina Calor sendo também um ponto local com alguma acção ao nível do Pulmão.

Outros pontos a usar: 11IG.

Humidade-Mucosidade-Calor no Baço: 9BP, 2BP, 14VG, 40E

9BP e 40E eliminam Humidade-Mucosidade.

2BP é o 2º ponto Shu e elimina Calor do BP enquanto que o ponto 14VG elimina calor sendo um ponto mais geral.

Outros pontos a usar: 6BP, 12VC.

Pontos sintomáticos para sintomas relevantes:

  • dor de cabeça frontal: 8E, 14VB, 2B
  • Sensação de peso nos seios perinasais: 2E, 3E
  • Febre: 11IG, 14VG
  • Tosse: 22VC, Dingchuan
  • Hemoptise: 6P, 6C, 4MC
  • Secura do Pulmão: 6R, 5P.

Doença de Meniére

Doença é caracterizada por vertigens auditivas, náuseas, perda de equilíbrio e é devida ao excesso de líquido no labirinto.

Diagnóstico da doença de menière

Subida de Yang do Fígado

  • Aparecimento súbito de vertigens e zumbidos,
  • agravamento dos sintomas com estados de instabilidade emocional,
  • irritabilidade ou depressão,
  • tendência para acessos de raiva,
  • náusea,
  • maçãs do rosto vermelhas,
  • sabor amargo na boca,
  • boca e garganta secas,
  • congestão das conjuntivas,
  • suores nocturnos,
  • agravamento dos sintomas com estados febris,
  • língua vermelha com capa fina e amarela, pulso rápido em corda.

Vazio de Qi e Sangue

  • Vertigens que agravam com esforço físico,
  • agravam com movimento,
  • aparecimento repetido de vertigens,
  • voz fraca,
  • fezes moles,
  • astenia física,
  • face pálida,
  • língua pálida, pulso fraco e fino.

Humidade-Mucosidade no Baço

  • Vertigens que agravam com movimento,
  • sensação de peso na cabeça ou só no ouvido,
  • sensação de peso na cabeça como se esta estivesse apertada por um lenço,
  • sonolência,
  • náuseas,
  • vómitos,
  • apetite pobre,
  • astenia física,
  • língua pálida com capa pegajosa, pulso deslizante.

Vazio de Yin do Rim

  • Vertigens frequentes que agravam à noite,
  • podem fazer-se acompanhar de suores nocturnos,
  • zumbidos,
  • insónia,
  • agitação psíquica,
  • impotência,
  • emissões seminais,
  • febre vespertina que pode desencadear episódios de vertigens,
  • língua vermelha sem capa, pulso fino, rápido e superficial.

Deficiência do Rim

  • Vertigens e zumbidos que aparecem sucessivas vezes,
  • diminuição da acuidade auditiva,
  • inactividades,
  • astenia,
  • lombalgia tipo moinha,
  • fraqueza dos membros inferiores,
  • língua vermelha com pouca capa ou ausência de capa, pulso rápio e fino.

Vazio de Yang do Rim, Coração e Pulmão

  • Vertigens com aparecimento repetido e frequentes,
  • tosse com expectoração profusa e transparente ou esbranquiçada,
  • palpitações,
  • frio generalizado,
  • aversão ao frio,
  • agravamento pelo frio e preferência pelo calor,
  • lombalgia que melhora com pressão e calor,
  • polaquiuria e poliúria,
  • urina pálida,
  • fraqueza dos membros inferiores,
  • pulso lento e profundo, língua pálida com capa branca.

Acupuntura tradicional chinesa para tratar doença de menière

Seleção de pontos para doença de menière na acupuntura tradicional chinesa: 20VB, 20VG, 8E, 2VB.

Estes pontos podem ser usados todos em conjunto para doença de menière na acupuntura tradicional chinesa ou em padrões mais específicos.

1 – o 8E é mais especifico para padrões de Humidade,

2 – 20VB é mais especifico para padrões que afetem o Fígado e Vesícula Biliar,

3 – 20VG para padrões de calor ou de vazio de Qi e Sangue.

Não esquecer a importância do uso de pontos locais como 2VB.

Uma vez que falamos da doença de menière em que o problema se encontra focado no ouvido interno deveremos usar pontos de acupuntura locais.

Outros pontos a usar para doença de menière na acupuntura tradicional chinesa:

39VB que é ponto mar da medula e como tal pode ser usado em problemas que afetem o cérebro.

19ID, 17TA e 21TA. Dar também atenção ao uso de craneopuntura.

Finalmente gostaria de salientar a importância do ponto auricular da raiz do nervo vago que costumo usar muito neste tipo de problemas.

Seleção de pontos de acordo com os padrões clinicos:

Subida de Yang do Fígado: 3F, 6BP, 5TA, 6MC, 21TA

Este protocolo pode apresentar várias variações consoante a gravidade dos sintomas de calor.

O princípio de tratamento básico parte de 2 princípios:

(1) acalmar o Yang e

(2) nutrir o Yin.

O 6BP nutre o Yin e outros como o 23B, 18B, 8F e 3R poderiam ser adicionados para fortalecer essa acção tonificante.

O 3F e 5TA acalmam o Yang.

O 5TA foi selecionado pela sua capacidade de eliminar calor e regular o Shao Yang.

Com estes pontos ficamos com a combinação 2VB, 20VB e 5TA que é bastante forte para tratamento dos problemas auditivos ou de vertigens decorrrentes de alguma afeção do ouvido.

O 6MC regula o Qi do Fígado e acalma a mente e juntamente com o 3F faz uma combinação de pontos do mesmo par de meridianos muito boa para acalmar o Yang do Fígado.

Outros pontos a usar: 2F, 43VB, 39VB, 41VB.

Vazio de Qi e Sangue: 17B, 36E, 6VC

17B nutre o Sangue.

A combinação 36E e 6VC é muito boa para tonificar o Qi em geral.

Outros pontos a usar para tratar doença de menière na acupuntura tradicional chinesa: 4VC, 8VC, 12VC, 10BP, 6BP.

Humidade-Mucosidade no Baço: 20B, 9BP, 12VC, 40E

O 40E elimina Mucosidade enquanto que o 9BP elimina Humidade.

A combinação de pontos de órgão 12VC e 20B é excelente para fortalecer o Baço e eliminar Humidade.

Outros pontos a usar: 36E, 6BP.

Vazio de Yin do Rim: 6BP, 7R, 23B

Combinação base para garantir a nutrição do Yin do Rim.

Pontos sintomáticos para sintomas relevantes:

  • Vómitos: 6MC, 12VC
  • Insónia: Anmian, 7C
  • Emissões seminais: 6BP, 3VC
  • Apetite pobre: 36E, 20B
  • Impotência: 2VC, 2R.

Zumbidos e surdez

Zumbido é caracterizado pelos pacientes como um som tipo campainha nos ouvidos surdez é a perda de capacidade de ouvir.

Diagnóstico de zumbidos e surdez na acupuntura tradicional chinesa

Invasão de vento externo

  • Aparecimento súbito de zumbidos ou surdez,
  • zumbidos agravam com exposição ao vento e frio,
  • febre e calafrios,
  • aversão ao frio,
  • dores generalizadas,
  • rigidez na nuca,
  • ausência de sudação,
  • cefaleia,
  • língua com capa fina e branca, pulso flutuante.

Em padrões de vento-calor é possível existirem outros sinais clínicos como: dor leve no ouvido, sensação de ligeira obstrução dentro do ouvido, capacidade auditiva ligeiramente reduzida e membrana do ouvido ligeiramente vermelha.

Subida de Yang do Fígado

  • Aparecimento súbito de zumbidos ou surdez,
  • aparecimento destes sintomas está associado a estados de instabilidade emocional,
  • irritabilidade,
  • tendência para acessos de raiva,
  • tonturas,
  • cefaleia,
  • sabor amargo na boca,
  • face vermelha,
  • olhos vermelhos e secos,
  • suores nocturnos,
  • boca e garganta seca,
  • língua vermelha com capa fina e amarela, pulso rápido e em corda.

Os zumbidos de aparecimento súbito apresentam-se muito intensos com som elevado e diminuição da capacidade auditiva.

No entanto, como a subida de yang é uma consequência do vazio de yin, se este padrão for o mais intenso, o paciente pode apresentar os sintomas de vazio de yin.

Também é possível que sinta alteração de sintomas que denúncia agravamentos momentâneos do vazio de yin que gera subida de yang.

Humidade-Mucosidade

  • Zumbidos de aparecimento súbito,
  • sensação de peso na cabeça, em particular, no canal auditivo,
  • dilatação abdominal,
  • agravamento por exposição a ambientes húmidos,
  • língua com capa pegajosa, pulso deslizante.

Outras variações da humidade-calor, como a humidade-calor no Fígado e Vesícula Biliar podem apresentar: dor relativamente severa dentro do ouvido que pode irradiar para a face, febre e frio alternados que agravam os outros sintomas.

Nos padrões de Humidade-calor os zumbidos podem ter aparecimento súbito, apresentam som muito alto e diminuição da capacidade auditiva.

Vazio de Yin e Yang do Rim

  • Zumbidos de som baixo mas persistentes,
  • aparecimento gradual,
  • alivio com pressão local,
  • zumbidos de som baixo tipo cigarra,
  • agravamento pelo esforço físico,
  • perda de audição crónica,
  • tonturas,
  • lombalgia,
  • fraqueza dos membros inferiores,
  • língua rosada e pulso fino e fraco.

Acupuntura tradicional chinesa para tratar zumbidos e surdez

Seleção de pontos para zumbidos e surdez na acupuntura tradicional chinesa: 2VB, ponto da raiz do nervo vago, 6TA.

Nesta combinação temos pontos locais e um distal.

Um dos pontos locais faz parte da auriculopunctura mas com efeitos muito bons no tratamento dos zumbidos.

2VB e 6TA é uma combinação de pontos do mesmo par de meridianos.

Outros pontos a adicionar para zumbidos e surdez na acupuntura tradicional chinesa: 5TA, 41VB, 17TA, 19ID, 21TA.

Seleção de pontos de acordo com os padrões clínicos:

Invasão de Vento externo: 20VB, 16VG, 12VB

20VB e 12VB são 2 proximais ao ouvido com função de eliminar Vento.

16VG fica na nuca e tem como função não só eliminar vento mas também aliviar alguns sintomas decorrentes deste padrão como tonturas ou rigidez na nuca ou mesmo cefaleia occipital a existir.

Subida de Yang do Fígado: 20VB, 3F, 6BP, 3R

20VB e 3F acalmam o Yang do Fígado enquanto que os pontos 6BP e 3R nutrem o Yin.

Outros pontos a usar zumbidos e surdez na acupuntura tradicional chinesa: 2F, 43VB, 5TA, 6MC.

Humidade-Mucosidade: 36E, 8E, 12VC

36E e 8E é uma combinação de pontos de mesmo meridiano, um local e o outro distal, com função de eliminar Humidade da cabeça.

O 12VC, tal como o 36E, eliminam Humidade e fortalecem o Baço (é mais fácil eliminar Humidade se o Baço se encontrar forte).

Outros pontos a adicionar: 4BP, 2BP, 20B.

Vazio de Yin e Yang do Rim: 4VG, 4VC, 6BP

Esta combinação é muito boa para tonificar o Qi do Rim.

Outros pontos a adicionar zumbidos e surdez na acupuntura tradicional chinesa: 3R, 7R, 23B.

Pontos sintomáticos para sintomas relevantes:

  • Irritabilidade: Yintang
  • Suores nocturnos: 6C, 3ID
  • Cefaleia temporal: 8VB, 41VB, 5TA
  • Cefaleia parietal: Sishencong, 20VG, 1R.

acupuntura tradicional chinesa 37VB

Conjuntivite

Esta patologia é uma infecção aguda oftalmológica cujo principal sintoma é congestão das conjuntivas.

Diagnóstico da conjuntivite na acupuntura tradicional chinesa

Vento-Calor

  • Olhos vermelhos,
  • sensação de corpo estranho no olho afetado,
  • fotofobia,
  • lacrimejar,
  • febre,
  • garganta dorida,
  • congestão nasal,
  • cefaleia,
  • língua vermelha com capa amarela e fina, pulso futuante e rápido.

Plenitude Calor do Fígado e Vesícula Biliar

  • Olhos vermelhos e inchados,
  • sensação de queimadura,
  • fotofobia,
  • hipertermia ocular,
  • sabor amargo na boca,
  • irritabilidade,
  • propensão para ataques de raiva,
  • obstipação,
  • urina escura,
  • febre,
  • língua vermelha com capa espessa e amarela, pulso cheio e rápido.

Acupuntura tradicional chinesa para conjuntivite

Seleção de pontos para conjuntivite na acupuntura tradicional chinesa: 1B, Qiuhou, Shangming, 20VB, 4IG.

Neste protocolo só o 4IG é distal.

O 20VB é um ponto proximal e beneficia os olhos.

Todos os outros são locais e tem acção especifíca sobre os olhos.

Outros pontos a usar: Taiyang.

Selecção de pontos de acordo com os padrões clínicos:

Vento-Calor: 14VG, 11IG

Estes pontos eliminam calor.

O 20VB que já se encontra presente no protocolo base elimina Vento e beneficia os olhos.

Outros pontos a usar para conjuntivite aguda: 5TA.

Plenitude Calor do Fígado e Vesícula Biliar: 2F, 43VB, 5TA, 14VG

Vocacionados para a eliminação de calor.

2F e 43VB é uma combinação de 2º pontos Shu de meridianos acoplados que eliminam calor dos respectivos órgãos.

5TA elimina Calor e regula Shao Yang e 14VG é um ponto geral para elimina Calor.

Outros pontos a usar na conjuntivite na medicina chinesa: 11IG.

Pontos sintomáticos para sintomas relevantes:

  • Cefaleia frontal: 14VB, 23VG
  • Obstipação: 6TA, 37E
  • Hipertermia do olho: 17B, 6MC.

Dor de cabeça

A dor de cabeça é um sintoma subjetivo.

Este capítulo trata a cefaleia enquanto sintoma predominante e não como consequência de outras causas como hipertensão.

No entanto, os pontos usados neste capítulo podem ser usados para o tratamento da dor de cabeça independentemente de ser o sintoma predominante ou não.

Diagnóstico da dor de cabeça na acupuntura tradicional chinesa chinesa

Invasão de Vento-Frio

  • dor de cabeça que agrava com vento e frio,
  • dor estende-se até à nuca e ombros,
  • preferência por aplicações de calor local,
  • pode ser fixa,
  • aversão ao vento,
  • aversão ao frio,
  • ausência de sudação e sede,
  • dor generalizada,
  • pulso suave, língua com capa branca e fina.

Invasão de Vento-Calor

  • Dor de cabeça tipo distensão na cabeça, pode ser severa,
  • aversão ao vento,
  • aversão ao calor,
  • preferência por aplicações locais de frio,
  • febre,
  • boca e garganta secas,
  • tosse seca,
  • face vermelha,
  • língua vermelha com capa amarela, pulso rápido e flutuante.

Invasão de Vento-Humidade

  • Cefaleia,
  • sensação de peso,
  • agravamento com tempos húmidos ou chuvosos ou na presença de vento,
  • fezes moles,
  • alterações de apetite,
  • astenia física,
  • cefaleia agrava após esforço físico,
  • língua pálida com capa branca pegajosa, pulso suave ou deslizante.

Plenitude Calor do Fígado

  • Cefaleia(1) que agrava com calor e estados de irritabilidade ou raiva,
  • melhora com aplicações de frio,
  • vertigens,
  • insónia,
  • cefaleia predominante nas têmporas,
  • irritabilidade ou propensão para ataques de raiva,
  • face vermelha,
  • olhos vermelhos,
  • sabor amargo na boca,
  • garganta seca,
  • sede,
  • obstipação,
  • urina escura,
  • pulso cheio, em corda, língua vermelha com capa amarela.

Vazio de Qi

  • Cefaleia tipo moínha,
  • preferência por aplicações locais de calor,
  • melhora com pressão,
  • tonturas,
  • vertigens,
  • astenia,
  • anorexia,
  • cefaleia agrava após esforço físico,
  • fezes moles,
  • pulso fraco e língua pálida com capa fina e branca.

Vazio de Sangue Fígado

  • Cefaleia mais localizada na zona supra orbital,
  • melhora com pressão,
  • agrava durante e após o período menstrual,
  • agrava após hemorragias (pode aparecer enquanto consequência),
  • palidez,
  • membros frios,
  • astenia física e agitação psíquica,
  • palpitações,
  • visão nublada,
  • outras alterações de visão associadas a crises de cefaleia ou vice-versa,
  • amenorreia ou período escasso,
  • provável ausência de coágulos e sangue pálido,
  • língua pálida com bordo pálidos com capa branca e fina, pulso suave em corda.

Humidade-Mucosidade

  • dor de cabeça acompanhada de tonturas,
  • sensação de peso na cabeça,
  • opressão torácica e dilatação abdominal,
  • anorexia,
  • náuseas,
  • sensação de peso no corpo,
  • edema,
  • língua pálida ou normal com capa pegajosa e branca, pulso deslizante.

Estase de Sangue

  • dor de cabeça fixa tipo facada,
  • agrava antes do período menstrual,
  • insónia,
  • sangue menstrual com coágulos,
  • presença de massas,
  • língua púrpura com varicosidades sub linguais, pulso em corda.

Deficiência do Rim

  • Cefaleia, dor surda,
  • melhora de manhã e agrava com trabalho,
  • zumbidos,
  • vertigens,
  • astenia física,
  • fraqueza dos membros inferiores,
  • lombalgia,
  • alterações urinárias,
  • língua pode apresentar-se normal, pulso profundo e fraco.

Acupuntura tradicional chinesa para dor de cabeça

Seleção de pontos para dor de cabeça na acupuntura tradicional chinesa de acordo com áreas afetadas:

Cefaleia frontal: 14VB, 2B, 8E, 4IG

14VB, 2B e 8E são locais e 4IG é distal.

A região frontal é uma região Yang Ming e daí usar-se a combinação 8E e 4IG. Os pontos locais devem ser direccionados para a região dolorosa.

Ainda poderíamos recorrer ao 44E e 20VB (em especial se zona supraorbital se encontrasse afectada), YinTang, 23VG.

Cefaleia temporal: 8VB, TaiYang, 41VB, 5TA

8VB e TaiYang são locais.

5TA e 41VB são distais.

Como a região temporal pertence ao Shao Yang usamos os pontos de abertura dos meridianos maravilhosos Dai Mai e Yang Wei Mai.

Isto também nos permite desenvolver uma combinação base de pontos do mesmo par de meridianos e mesmos meridianos, locais e distais: 41VB, 5TA e 8VB.

Outros pontos a usar:

1 – 8E (direccionado para a zona dolorosa – este é o ponto de intersecção do Estômago com a Vesícula Biliar e daí poder ser usado para tratar cefaleia ao longo do meridiano da VB, sendo, no entanto, mais usado ou em cefaleia frontal ou temporal),

2 – 20VB. Outros pontos distais ao longo do meridiano do TA também podem ser usados.

Cefaleia occipital: 20VB, 19VG, 16VG, 62B, 3ID,

20VB, 19VG, 16VG são locais e 62B e 3ID são distais.

Uma vez que esta região pertence ao Tai Yang recorremos à combinação 3ID e 62B que são, respectivamente, pontos de abertura dos vasos maravilhosos Du Mai e Yang Qiao Mai.

O 10B dá-nos hipótese de fazer uma combinação do mesmo nível com pontos do mesmo meridiano locais e distais.

Consoante a localização mais especifica ao longo de toda a zona occipital e afecção ou não da nuca podemos recorrer a uma miríade de pontos locais.

Outros pontos a usar para dor de cabeça na medicina chinesa: 60B e outros pontos do meridiano da bexiga ao longo da perna são aconselhados para tratar problemas desta área.

Cefaleia parietal: 20VG, Sishencong, 6MC, 3F

20VG e Sishencong são locais e 6MC e 3F são distais.

A zona parietal (vértice da cabeça incluído) pertencem ao Tay Yin.

Como os meridianos do MC e F não tem pontos locais na cabeça é impossível fazer combinação de pontos locais e distais do mesmo meridiano.

Outros pontos a usar para dor de cabeça na acupuntura tradicional chinesa: 1R e 2R estão aconselhados para cefaleia nesta região assim como o 60B.

Seleção de pontos de acordo com os padrões clinicos:

Invasão de Vento-Frio: 4IG, 7P, 12B, 16VG, 14VG, 20VB

Não é necessário recorrer a este protocolo extenso (em adição aos pontos acima mencionados).

Este é só um protocolo muito bom para o padrão clínico apresentado.

O 23VG também pode ser usado.

Muitas vezes a selecção destes pontos é mais dependente dos sintomas que compõem o padrão do que do quadro geral em si mesmo.

Invasão de Vento-Calor: 4IG, 5TA, 7P, 16VG, 14VG, 20VB

Com pequenas diferenças, usamos para os padrões de Vento-frio os mesmos que usamos para os padrões de Vento-Calor.

Consoante os sintomas de calor se manifestem com maior ou menor violência poderá dar-se mais atenção a pontos específicos para eliminar calor como os 2º pontos Shu.

Invasão de Vento-Humidade: 4IG, 40E, 8E

O 4IG elimina Vento.

40E elimina Mucosidades e 8E é local para eliminar Humidade na cabeça.

9BP, 6BP seriam para eliminar Humidade e 7P, 20VB para eliminar Vento por exemplo.

Plenitude Calor do Fígado: 2F, 43VB, 20VB

Esta é uma combinação simples para eliminar calor recorrendo aos 2º pontos Shu e um local que acalma o Yang do Fígado.

Subida de Yang do Fígado: 3F, 20VB, 6BP, 3R, 8F

A diferença destas 2 combinações é a seguinte: na PC Fígado recorre-se a pontos para eliminar Calor e na Subida de Yang do Fígado pretende-se acalmar o Yang (eliminar Calor) e nutrir o Yin.

6BP, 3R, 8F é uma combinação base para nutrição do Yin do Fígado.

Vazio de Qi: 20B, 36E, 2BP

Esta é uma combinação muito simples para a tonificação do Qi do BP (Jing adquirido).

6BP, 3BP, 12VC, 21B poderiam estar incluídos.

Se quiséssemos também poderíamos adicionar o 30E e 4BP.

Vazio de Qi e Sangue: 17B, 10BP, 36E, 12VC

17B e 10BP é uma combinação base para a nutrição do Sangue e 36E e 12VC é uma combinação para o Qi do BP.

Uma vez que é através do Qi do BP que se forma o sangue é possível aparecer um padrão de Vazio de Qi que gera Vazio de Sangue.

Nestes casos poderíamos ainda usar Shu das costas como 20B, 15B ou 18B consoante os órgãos mais envolvidos.

Vazio de Sangue do Fígado: 8F, 10BP, 36E

Esta combinação pode ser analisada em 2: 8F (tonificação do Fígado) e 10BP (tonificação do Sangue) para tonificar o Sangue do Fígado e 36E que tanto nutre o Sangue e tonifica o Qi.

Caso o Vazio de Sangue não estivesse associado a um Vazio de Qi mas sim a um Vazio de Yin poderíamos remover o 36E e adicionar 6BP e 3R (uma combinação base para nutrir o Yin).

Humidade-Mucosidade: 9BP, 6BP, 40E

Esta é uma combinação base para eliminar Humidade (6BP e 9BP) e para Mucosidade (40E).

Consoante os sintomas acompanhantes da cefaleia evidenciem um envolvimento do AS, AM ou AI poderemos recorrer ao 17VC, 12VC e 6VC para cada aquecedor, assim como a outros que actuem nos órgãos envolvidos.

Estase de Sangue: 17B, 10BP

Combinação base geral para ativar o Sangue.

Consoante variação sintomática outros pontos de acupuntura poderão ser adicionados.

Deficiência do Rim: 3R, 4VC, 4VG, 23B

Por deficiência do Rim entende-se um Vazio de Yin e Yang considerado por muito autores como Vazio de Qi.

Daí recorrer-se à combinação 4VC e 3R.

4VC tonifica directamente o Yuan Qi e 3R é o ponto Fonte (Yuan) do Rim.

O 4VG suplementa o Yang e o 23B fortalece o Rim.

CONSIDERAÇÕES FINAIS

O reconhecimento do sintoma e da zona afectada é a base, e a parte mais importante no tratamento por acupuntura.

O reconhecimento do padrão clínico vem na sequência da nossa análise e é a partir desta análise que conseguimos seleccionar pontos para adicionar ao protocolo base.

Qualquer princípio de tratamento deve tomar em consideração estes princípios.

Assim vamos supor que 3 pacientes apresentam cefaleia frontal.

Neste caso seleccionaríamos: 14VB, 2B, 8E e 4IG independentemente do padrão clínico.

No entanto, ao paciente A é diagnosticado um padrão de Vazio de Qi do Baço, ao segundo doente é diagnosticado um padrão de Humidade-Mucosidade e ao terceiro paciente um padrão de Vento-frio.

Os pontos a adicionar seriam, portanto:

Paciente A: 14VB, 2B, 8E, 4IG e 20B, 36E, 12VC por exemplo.

Paciente B: 14VB, 2B, 8E, 4IG e 9BP, 40E. O 8E é um bom ponto para eliminar Humidade na cabeça mas já se encontra no protocolo base.

Paciente C: 14VB, 2B, 8E, 4IG e 7P, 23VG. O 4IG usa-se em conjunto com o 7P (combinação de pontos Fonte-Conexão) mas o 4IG já se encontra no protocolo base (não vale de nada escreve-lo 2 vezes).

Se o paciente apresentar sintomas como rigidez na nuca ou outros sintomas que também afectem as vias respiratórias superiores, 16VG e 20VB também deveriam ser adicionados por exemplo.

NOTAS DE FIM DE TEXTO

(1) As cefaleias associadas ao Fígado, regra geral, são consideradas enxaquecas.

Doenças Cardio-Pulmonares tratadas com acupuntura tradicional chinesa

Hipertensão na acupuntura chinesa

A hipertensão costuma ser assintomática e nunca foi definida como doença ou como padrão clínico dentro da medicina chinesa.

A sua análise contemporânea é baseada nos sintomas que maioritariamente afetam estes pacientes.

Nesta obra analisamos estes sintomas como pertencendo à hipertensão.

No entanto devemos ter em consideração de que estes sintomas e a variação de padrões clínicos a ele associados também se verificam noutros casos em que os pacientes não sofrem desta maleita.

Hipertensão na acupuntura chinesa pode dividir-se nas seguintes categorias: Xuan Yu (vertigens) e Tou Tong (cefaleia).

Diagnóstico da hipertensão na acupuntura chinesa

Existem 4 padrões principais no diagnóstico da hipertensão na acupuntura chinesa. Esses padrões são:

1 – Plenitude Calor do Fígado;

2 – Mucosidades que afetam o aquecedor superior;

3 – Subida de Yang devido a Vazio de Yin;

4 – Vazio de Yin e Yang do Rim.

Plenitude Calor do Fígado

  • Hipertensão,
  • cefaleia (generalizada, no vértice ou nas têmporas) e tonturas que agravam com calor e estados de irritabilidade,
  • face vermelha,
  • olhos vermelhos,
  • hemorragia nasal,
  • boca e garganta secas,
  • irritabilidade e/ou tendência para acessos de raiva,
  • língua vermelha com capa amarela, pulso forte e rápido

Mucosidade que ascende ao aquecedor superior

  • Hipertensão,
  • Cefaleia e tonturas acompanhadas por sensação de peso,
  • sensação de peso no corpo,
  • sensação de opulência torácica,
  • alterações de apetite,
  • língua com capa branca e pegajosa, pulso deslizante.

Subida de Yang do Fígado devido a Vazio de Yin

  • Hipertensão,
  • Tonturas,
  • cefaleia,
  • acessos de calor,
  • zumbidos,
  • insónia,
  • irritabilidade,
  • dormência ou tremor dos membros,
  • sintomas agravam com irritabilidade ou calor,
  • lombalgia que melhora com pressão e está associada a cansaço,
  • fraqueza dos membros inferiores e zona lombar,
  • urina escura,
  • língua vermelha sem capa ou com capa muito fina, pulso fino, superficial e rápido.

Vazio de Yin e Yang do Rim

  • Hipertensão,
  • tonturas,
  • zumbidos,
  • cefaleia,
  • lombalgia tipo moinha que melhora com pressão,
  • alterações urinárias (micção nocturna),
  • fraqueza dos membros inferiores,
  • astenia física,
  • palidez e maçãs do rosto vermelhas,
  • membros frios,
  • sede,
  • pulso lento e profundo,
  • língua pode apresentar-se normal ou com tom avermelhado pálido e com capa.

Tratamento para hipertensão na acupuntura tradicional chinesa

Seleção de pontos para a Hipertensão na acupuntura tradicional chinesa: 20VB, 11IG, 4IG, 36E.

O 20VB é ponto de reunião da VB e dos meridianos Yang wei; elimina calor da cabeça e olhos e acalma a cefaleia.

O 11IG e 4IG eliminam calor e baixam a pressão arterial.

O 36E é outro ponto experimental com bons resultados no tratamento da hipertensão.

Além destes pontos base ainda podemos usar 10BP, 40E e 3F.

Seleção de pontos para os padrões clínicos:

Plenitude Calor do Fígado: 2F, 43VB

Estes 2 pontos eliminam calor do Fígado e VB.

O 3F também pode ser usado pois acalma o Yang do Fígado.

Estes pontos associados aos pontos base (que acalmam o Yang ou eliminam calor) faz um tratamento forte.

Mucosidade que ascende ao aquecedor superior: 40E, 17VC, 6MC

40E elimina Mucosidade e o 17Vc e 6MC regularizam o AS.

Subida de Yang do Fígado devido a Vazio de Yin: 3F, 6BP, 3R, 8F

O 3F acalma o Yang do Fígado e os restantes fazem a nutrição do Yin do Fígado.

Atente-se à presença do 20VB, no protocolo base, que acalma o Yang do Fígado.

Outros pontos a adicionar para hipertensão na acupuntura tradicional chinesa seriam o 18B e 23B pois são Shu das costas dos referidos órgãos.

Vazio de Yin e Yang do Rim: 4VC, 6BP, 4VG, 23B, 2R

4VC tonifica o Qi do Rim, 4VG e 23B com moxa suplementam o Yang e 6BP e 2R ajudam a nutrir o Yin.

Pontos sintomáticos para sintomas mais relevantes:

  • insónia e irritabilidade: 7C, 43VB, 13VB
  • obstipação: 6TA
  • náuseas ou vómitos: 6MC, 36E
  • tonturas severas: 20VG, 20VB, 8E, Sishencong.

Dor cardíaca

Na Medicina Ocidental existem várias doenças associadas à dor no coração como a Angina de peito ou o enfarte do miocárdio.

Neste artigo faz-se uma pequena introdução a algumas patologias da medicina ocidental e de seguida parte-se para uma análise dos diferentes padrões clínicos, tal como entendidos em medicina chinesa, e consequentes tratamentos por acupuntura.

Angina Pectoris consiste na presença de dor desencadeada por exercício físico e que tende a desaparecer com o repouso.

É devida a doença das artérias coronárias.

Pode surgir por baixo do esterno, braço esquerdo, costas, garganta, maxilar e dentes.

A angina provocada por espasmos nas grandes artérias pode aparecer em repouso e chama-se angina variante.

A dor deve-se a episódios de isquémia – o músculo cardíaco não consegue ser irrigado convenientemente – e deve ser monitorizada pois, a partir desta situação, pode desencadear-se casos de enfarte do miocárdio.

Em medicina chinesa classifica-se como Xiong Bi (síndrome bloqueio torácico); Jue Xin Tong (dor pré-cordial com membros frios) ou Zhen Xin Tong (dor cardíaca real).

O Enfarte agudo do Miocárdio consiste na destruição de tecido cardíaco devido a falta de oxigénio.

Os principais sintomas são:

  1. dor no meio do peito,
  2. dor que irradia para as costas,
  3. braço esquerdo e maxilares. Com menor frequência também afecta o braço direito.

Ao contrário da Angina de peito esta dor não melhora com o descanso.

Alguns doentes costumam referir angina, dispneia e cansaço nos dias anteriores ao enfarte.

É uma urgência médica e o paciente deve ser encaminhado directamente para o hospital.

Por vezes a dor pode fazer-se sentir no abdómen e aliviar temporariamente com o arroto o que pode levar a pessoa a pensar que não é um problema do coração.

A pericardite é uma inflamação do pericárdio.

É caracterizada por febre, dor aguda no centro do peito que pode irradiar para o pescoço e ombros e está associada ao aparecimento de palpitações.

Agrava quando o paciente está deitado, inspira profundamente ou tosse.

É mais comum em pessoas com muito stresse ou muito trabalho e em pessoas que já sofrem de problemas cardíacos.

A pericardite crónica constritiva costuma ser indolor e como tal não é analisada neste capítulo.

Existem 3 chaves de diagnóstico importantes para distinguirmos a dor no coração de outras dores:

(1) dor no coração e opressão torácica que pode irradiar para as costas, palpitações, respiração curta e possível agravamento quando se deita,

(2) dor gástrica costuma localizar-se abaixo da caixa torácica e é acompanhada de regurgitação ácida, eructações, distensão ou dilatação abdominal e

(3) dor no peito que é muito semelhante à dor no coração mas não se localiza maioritariamente no peito esquerdo e é acompanhada pelos movimentos respiratórios, tosse e dispneia.

Diagnóstico da dor cardíaca de acordo com acupuntura tradicional chinesa

Vazio de Qi do Baço e Coração

  • Dor no coração tipo moinha,
  • respiração curta,
  • palpitações,
  • agrava com esforço físico,
  • agrava após refeições muito pesadas ou após longo tempo sem comer,
  • insónia,
  • opressão torácica,
  • alterações de apetite,
  • astenia física,
  • fezes moles,
  • face pálida,
  • língua pálida e marcada pelos dentes, pulso lento e irregular ou lento, regular e intermitente.

Vazio de yang do Rim e Coração

  • Dor tipo moinha,
  • agrava com frio e melhora com calor,
  • aversão ao frio,
  • dor com cólicas que irradia para as costas quando exposto ao frio,
  • respiração fraca,
  • sensação de asfixia,
  • lentidão física,
  • frio generalizado,
  • membros frios,
  • respiração curta,
  • lábios roxos,
  • poliúria,
  • fraqueza dos membros inferiores,
  • edema,
  • lombalgia que agrava com frio e melhora com calor.

Vazio de Yin do Coração e Rim

  • Dor no coração tipo moínha acompanhada de sensação de queimadura,
  • preferência por aplicações de frio,
  • lombalgia,
  • agravamento à tarde e anoitecer ou no verão ou em exposição a ambientes quentes,
  • aparecimento paroxismico,
  • suores nocturnos,
  • febre vespertina,
  • agitação física e psíquica,
  • insónia,
  • zumbidos,
  • tonturas,
  • urina escura,
  • língua vermelha sem capa e pulso rápido, fino e superficial.

Estase de Frio

  • Dor desencadeada por exposição ao frio,
  • dor de aparecimento súbito,
  • preferência por calor,
  • dor forte que irradia para costas,
  • ombro esquerdo e braço,
  • incapaz de se deitar (os sintomas agravam),
  • aversão ao frio,
  • membros frios,
  • suores frios,
  • palpitações,
  • opressão torácica,
  • respiração curta,
  • língua pálida com capa branca, pulso tenso e, possivelmente, lento.

Humidade-Mucosidade no Coração

  • Dor forte que irradia para as costas, ombro esquerdo e braço,
  • sensação de peso no peito,
  • sensação de asfixia,
  • opressão torácica,
  • sensação de peso nos membros,
  • dispneia,
  • obesidade,
  • respiração curta,
  • possível tosse muito produtiva,
  • possível dilatação abdominal,
  • língua com capa pegajosa, pulso deslizante.

Estase de Sangue no Coração

  • Dor no coração tipo facada fixa (é possível que irradie mas o mais provável é ser fixa),
  • agravamento à noite,
  • opressão torácica,
  • palpitações,
  • melhora com massagem local mas sofre remissão após massagem,
  • agitação,
  • palpitações,
  • respiração curta (possível sensação de sufoco),
  • língua púrpura com varicosidades sublinguais, pulso tenso.

“the pain just like the heart being stabbed…serious pain with cianotic hands. The patient will die at evening if onset in morning, or die in morning if onset at evening”

Dor cardíaca tratada com acupuntura tradicional chinesa

Selecção de pontos para dor no coração: 6MC, 17VC, 15B, 4MC, 6C.

Neste caso, decidimos usar 2 pontos de emergência (6C e 4MC) para tornar o tratamento mais agressivo e ter mais sucesso no combate da dor.

O 6MC, 17VC e 15B são considerados base no tratamento deste tipo de queixas.

17VC é Mu do Mestre do Coração e 15B é o Shu das costas do Coração.

Outros pontos a usar: 14VC, 14B, 5C, 7C, jiaji 1D até 5D.

Selecção de pontos de acordo com os padrões clínicos:

Vazio de Qi do Baço e Coração: 20B, 13F, 12VC, 36E

Neste protocolo adicionámos os pontos de órgão do Baço 20B e 13F com o Mu do estômago, 12VC, com um ponto de acção mais geral, 36E, para garantir uma forte tonificação do Qi do Baço.

Estes pontos aliados aos pontos do protocolo base permitem uma tonificação forte do Qi do Baço e Coração.

Outros pontos a usar: 2BP, 3BP, 6BP, 6VC, 21B.

Vazio de Yang do Rim e Coração: 14VG, 4VG, 23B, 1R

14VG juntamente com pontos do protocolo base garante uma suplementação do Yang do Coração.

Adicionando o 4VG, 23B e 1R garantimos, igualmente, a suplementação do Yang do Rim.

Outros pontos a usar: 13VG, 3R, 7R, 52B, 4VC.

Vazio de Yin do Rim e Coração: 7R, 6BP, 23B

Uma vez que no protocolo base já existem muitos pontos para o Coração podemos adicionar pontos para o Rim.

Assim temos a combinação 6BP e 7R que nutre Yin do Rim e o ponto 23B que potencia essa ação.

Outros pontos a usar: 3R, 3VC, 7C.

Estase por Frio: 14VG, 36E

Quando usada agulha quente, estes pontos tem uma forte acção em aquecer e tonificar o corpo.

Repare-se que o 14VG é um ponto local de grande importância.

Outros pontos a usar: 7C, 9C, 14VC, 14B.

Humidade-Mucosidade no Coração: 9BP, 40E

Combinação base simples para eliminar Humidade.

Uma vez que os pontos de órgão do Coração já se encontram incluídos no protocolo base, assim como o 17VC, não é necessário recorrer a fórmulas mais complicadas.

Estase de Sangue no Coração: 17B, 14VC, 14B

17B é para o sangue e os outros 2 pontos são pontos de órgão locais que ajudam a regularizar o coração e aliviar os sintomas.

Pontos para outros sintomas de relevância:

  • Respiração curta (sensação de sufoco): 22VC, Dingchuan
  • Frio generalizado com grande aversão ao frio: 20VG, 8VC, 1R
  • Edema dos membros inferiores: 9BP, 6BP
  • Tosse produtiva: 7P, 22VC, 40E.

Arritmias

Por arritmia entende-se alterações do ritmo cardíaco podendo este ser irregular, mais acelerado (taquicardia) ou mais lento (bradicardia).

Em acupuntura tradicional chinesa arritmia e palpitações pertencem ao mesmo grupo de doença sendo caracterizada da mesma forma.

Por palpitações compreende-se a sensação subjectiva de sentir o coração bater. Se agravarem quando o paciente está deitado para o lado esquerdo indica insuficiência da válvula mitral.

No entanto existem diferenças sintomáticas que podem ser relevantes.

As arritmias podem provocar enjoos, vertigem e síncopes e nestes casos o paciente deve receber cuidados médicos imediatamente.

Este tipo de sintomas, em termos de fisiologia ocidental, nada tem a ver com as palpitações que consiste, no fundo, na percepção que a pessoa tem dos seus próprios batimentos.

Em acupuntura tradicional chinesa não existe diferença entre palpitações, palpitações severas e arritmias sendo analisadas como se fossem o mesmo sintoma.

As diferenças sintomáticas descritas na medicina ocidental não inviabilizam a análise sintomática realizada de acordo com os princípios de diagnóstico em medicina chinesa.

Em acupuntura tradicional chinesa arritmias são classificadas como Xin Ji (palpitações).

Podem ser provocadas por constituição fraca, emoções excessivas que se tornam patológicas e invasão de factores patogénicos externos (Yanfu, 2002) que levam a uma má nutrição do coração por vazio de qi, vazio de sangue de yin e yang ou por humidade-mucosidade calor que gera estase de sangue.

Em casos muito severos pode dar-se a perda de yang do coração com separação do yin e yang.

Diagnóstico da arritmia

Vazio de Qi do Coração

  • Palpitações ou arritmia,
  • tonturas,
  • náusea,
  • insónia,
  • astenia física,
  • palpitações que agravam com esforço,
  • síncope com esforço físico,
  • suor espontâneo,
  • respiração curta,
  • voz fraca,
  • agitação mental,
  • susceptibilidade a assustar-se,
  • pesadelos,
  • língua pálida e inchada com capa branca e pulso fraco.

Vazio de Qi do Coração e Vesícula Biliar

  • Palpitações ou arritmia,
  • timidez,
  • tendência para se assustar facilmente,
  • ataques de raiva,
  • agitação psíquica,
  • sonhos muito intensos,
  • insónia,
  • fraqueza física,
  • língua pálida com capa branca e pulso em corda.

“Fright makes Qi disturbed because the heart has nothing to rely on, the mind hás no place to house and the thinking has nothing to focus on”
Plain Questons, cap. 19

Vazio de Yang do Coração

  • Palpitações ou arritmia,
  • frio generalizado,
  • lentidão física,
  • palpitações que agravam com frio e melhoram com calor,
  • síncopes,
  • enjoos ou vertigens associados a frio, 
  • em casos severos estupor e/ou coma (Zhixian, 2002),
  • sudação profusa,
  • suores frios,
  • aversão ao frio,
  • membros frios,
  • respiração curta e acelerada,
  • tonturas,
  • lábios roxos,
  • agitação,
  • poliúria,
  • diarreia ou fezes moles,
  • edema,
  • língua pálida e inchada e húmida, pulso lento e profundo.

Vazio de Yin do Rim e Coração

  • Palpitações ou arritmia,
  • agitação física e psíquica,
  • síncope associada a calor ou agitação psíquica,
  • sensação de calor no peito e palmas das mãos,
  • febre vespertina que pode agravar as palpitações,
  • insónia (dificuldade em adormecer),
  • sonhos intensos,
  • febre vespertina,
  • calor nas mãos e pés,
  • suores nocturnos,
  • lombalgia,
  • fraqueza dos membros inferior,
  • urina escura,
  • lombalgia tipo moinha que melhora com pressão e aplicações de frio,
  • zumbidos,
  • palidez com rubor malar,
  • boca e garganta secas,
  • língua vermelha sem capa, pulso superficial, rápido e fino.

Vazio de Sangue do Coração

  • Palpitações ou arritmia,
  • tonturas,
  • astenia física e agitação psíquica,
  • sonhos intensos e insónia,
  • alteração de memória,
  • visão enublada,
  • face pálida,
  • lábios pálidos,
  • unhas quebradiças,
  • língua pálida e pulso fraco e irregular.

Estase de Sangue no Coração

  • Palpitações ou arritmia,
  • opressão torácica,
  • falta de ar,
  • lábios cianóticos,
  • unhas cianóticas,
  • pré-cordialgia,
  • dor tipo facada que pode irradiar até ao ombro esquerdo ou braço até à mão,
  • dor agrava à noite e pode agravar com movimento,
  • sintomas de frio nas extremidades podem surgir,
  • língua púrpura ou com equimoses e varicosidades sub linguais, pulso em tenso.

Estagnação de qi do Fígado ataca o Coração

  • Palpitações ou arritmias cujo aparecimento está associado a quadros emocionais,
  • irritabilidade que agrava as palpitações,
  • dor hipocondríaca que pode irradiar para o peito,
  • língua normal ou vermelha com varicosidades sub linguais, pulso tenso, em corda.

Humidade-Mucosidade no Coração

  • Palpitações ou arritmias que agravam em tempo húmido,
  • náuseas,
  • vómito,
  • sensação de peso no peito,
  • dispneia,
  • edema,
  • tonturas,
  • sede,
  • náuseas e vómitos,
  • membros frios,
  • língua com capa pegajosa, pulso deslizante.

Humidade-Mucosidade-Calor no Coração

  • Palpitações ou arritmias e opressão torácica,
  • opressão epigástrica,
  • sensação de calor e peso no peito,
  • estados febris elevados desencadeiam enjoos ou vertigens ou síncope,
  • preferência por aplicações de frio,
  • febre,
  • agitação,
  • delírio,
  • alterações de comportamento,
  • discurso sem lógica,
  • dor que pode surgir com calor e aliviar com frio,
  • insónia,
  • agitação física e psíquica,
  • susceptibilidade a ataques de raiva,
  • língua vermelha com capa amarela e pegajosa, pulso deslizante e rápido.

Plenitude Calor no Coração

  • Palpitações ou arritmias,
  • face vermelha,
  • sede e vontade de beber água,
  • preferência por bebidas frias,
  • aversão ao calor,
  • febre que agrava arritmias,
  • boca seca ou erosão da mucosa bucal,
  • insónia,
  • sonhos intensos,
  • urina escassa e escura,
  • língua vermelha com capa amarela e espessa, pulso rápido, cheio e forte.

Acupuntura tradicional chinesa para arritmia

Selecção de pontos para arritmia na acupuntura tradicional chinesa: 14B, 15B, 17VC, 6MC.

Outros pontos a usar: 14VC, 5C, 6C, 7C, 4MC, 5MC, jiaji 1D até 5D.

Selecção de pontos de acordo com os padrões clínicos no tratamento da arritmia na acupuntura tradicional chinesa:

Vazio de Qi do Coração: 7C, 36E, 6VC

Esta é uma combinação simples para garantir a tonificação do Qi do Coração. 

Vazio de Qi do Coração e Vesícula Biliar: 19B, 14F, 36E

Nesta combinação temos o Shu das costas da Vesícula Biliar o Mu do Fígado e um geral para tonificar o Qi.

Associando estes pontos ao protocolo base ficamos com um protocolo que pretende cumprir as seguintes funções:

(1) alcalmar as palpitações;

(2) regular relação entre Vesícula, Fígado e Coração e

(3) tonificar o Qi.

Outros pontos a usar para arritmia na acupuntura tradicional chinesa: 12VC, 24VB, 34VB.

Vazio de Yang do Coração: 14VG, 13VG

Estes 2 pontos adicionados aos restantes garantem uma suplementação do Yang do coração muito boa.

Outros pontos a usar para arritmia na acupuntura tradicional chinesa: 20VG.

Vazio de Yin do Rim e Coração: 6BP, 3R, 14VC, 23B

6BP e 3R é uma combinação base para nutrir o Yin e juntando o 23B conseguimos a nutrição do Yin do Rim.

Neste protocolo adicionámos o 14VC.

No entanto, não era absolutamente necessário, uma vez que no protocolo base já existem muitos pontos de órgão.

Vazio de Sangue do Coração: 17B, 36E, 10BP

17B e 10BP são usados para nutrir o Sangue. 36E tanto nutre o Sangue como tonifica o Qi.

Estase de Sangue do Coração: 17B, 4MC

4MC é um ponto de emergência e usado muito neste tipo de casos onde os sintomas podem aparecer de forma abrupta.

O 17B ativa o Sangue.

Outro ponto a usar para arritmia na acupuntura tradicional chinesa: 6C que é ponto de emergência do Coração.

Estagnação de Qi do Fígado ataca o Coração: 14F, 3F

Uma vez que o 6MC já se encontra no protocolo base, aqui adicionámos, somente, pontos do meridiano do Fígado.

De dar atenção ao uso do 14F uma vez que é bom para regular aa funções do Fígado com os órgãos adjacentes.

Outros pontos a usar para arritmia na acupuntura tradicional chinesa: 34VB, 6BP.

Humidade-Mucosidade no Coração: 40E, 5MC, 9BP

9BP e 40E eliminam Humidade-Mucosidade.

5MC tem capacidade de eliminar Humidade do Coração, apesar deste função ser mais usada em problemas mentais pois também acalma a Mente.

Humidade-Mucosidade-Calor: 40E, 9BP, 5MC, 4IG

A grande diferença deste protocolo é a adição do 4IG para a eliminação do calor.

Outros pontos a usar: 11IG, 14VG.

protocolos para bronquite na acupuntura tradicional chinesa

Tosse

Por tosse entende-se um movimento brusco de expulsão de ar dos pulmões.

Em Medicina ocidental este sintoma pode dever-se á presença de corpo estranho nas vias respiratórias superiores ou pode dever-se a infecções do aparelho respiratório.

Tosse na acupuntura tradicional chinesa considera-se a possibilidade de se dever a um ataque de agentes patogénicos externos ou derivada de um desiquilíbrio interno que afeta o Pulmão e as suas relações com outros órgãos.

Diagnóstico da tosse na acupuntura tradicional chinesa

Invasão de Vento-Calor

  • Tosse produtiva com início abrupto,
  • expectoração amarela e seca ou espessa,
  • possível existência de tosse seca ou de espuma pegajosa,
  • tosse de som alto,
  • aparece ou agrava no Verão,
  • boca e garganta secas,
  • febre,
  • aversão ao frio(1),
  • aversão ao vento,
  • dor de garganta,
  • congestão nasal,
  • sudação,
  • língua vermelha com capa amarela e fina, pulso flutuante.

Invasão de Vento-Frio

  • Tosse produtiva com início abrupto,
  • expectoração branca com espuma fina,
  • aparece ou agrava no Outono e Inverno,
  • tosse de som mais fraco(2),
  • febre e calafrios,
  • aversão ao frio,
  • cefaleia,
  • rigidez na nuca,
  • dor generalizada,
  • congestão nasal,
  • língua com capa branca e fina, pulso flutuante e lento.

Vazio de Yin do Pulmão com secura

  • Tosse seca ou tosse pouco produtiva com expectoração amarela e seca,
  • início pode não ser abrupto e a doença pode prevalecer por longo tempo,
  • tosse com som rouco,
  • boca e garganta secas,
  • nariz seco,
  • hemoptise,
  • sensação de calor no peito,
  • preferência por aplicações de frio,
  • agrava ao fim da tarde e anoitecer,
  • febre vespertina,
  • suores nocturnos,
  • agitação física e psíquica,
  • língua vermelha sem capa e pulso rápido, fino e superficial.

Humidade-Mucosidade no Pulmão

  • Tosse produtiva e crónica,
  • expetoração espessa, pegajosa e branca, espuma com bolhas,
  • pode agravar no Outono,
  • perda de apetite,
  • sensação de peso no peito,
  • alterações de apetite,
  • fezes moles,
  • língua com capa espessa, branca e pegajosa, pulso deslizante.

Humidade-Mucosidade-Calor no Pulmão

  • Tosse produtiva com expectoração espessa, pegajosa e amarela ou tosse seca,
  • em casos mais severos hemoptise,
  • boca e garganta secas,
  • sensação de peso no peito,
  • dificuldade em expandir os pulmões,
  • preferência por aplicações de frio,
  • exposição ao calor desencadeia ataques de tosse,
  • opressão torácica,
  • língua vermelha com capa espesssa, pegajosa e amarela, pulso deslizante e rápido.

Vazio de Qi do Baço e Pulmão

  • Tosse crónica,
  • tosse produtiva com expectoração fluida e transparente,
  • tosse agrava com esforço físico,
  • tosse de som fraco,
  • tosse agrava após longos períodos sem comer ou após uma refeição muito pesada,
  • pode agravar no Inverno e melhorar no verão,
  • respiração curta,
  • voz fraca,
  • astenia física,
  • fezes moles,
  • língua pálida e marcada eplos dentes, pulso fino e fraco.

Plenitude Calor do Fígado ataca o Pulmão

  • Tosse desencadeada por episódios de instabilidade emocional,
  • irritabilidade,
  • agrava na Primavera e verão e melhora no Inverno,
  • tosse de som alto,
  • propensão a ataques de raiva,
  • tosse seca ou com expectoração amarela e seca,
  • hemoptises em casos severos,
  • sintomas agravados por situações de stresse,
  • dor hipocondríaca que irradia para o peito,
  • opressão torácica, sabor amargo na boca,
  • palpitações,
  • face vermelha,
  • olhos vermelhos e secos,
  • febre,
  • obstipação,
  • língua vermelha com capa amarela e pulso cheio e rápido.

Acupuntura tradicional chinesa para tratar tosse

Selecção de pontos para a tosse na acupuntura tradicional chinesa: 22VC, 13B, Dingchuan, 1P
Todos estes pontos são locais e especifícos para este tipo de queixas.

Outros pontos a usar: 7P.

Selecção de pontos de acordo com os padrões clínicos para tosse na acupuntura tradicional chinesa:

Invasão de vento-Calor: 4IG, 5TA, 20VB, 16VG

Protocolo direccionado para a eliminação dos padrões de Vento-Calor.

Invasão de Vento-Frio: 4IF, 7P, 16VG, 20VB

Neste protocolo retirámos o 5TA e adicionámos o 7P pois o 5TA elimina Vento-Calor e aqui pretendemos eliminar Vento e fortalecer a função de dispersar o Qi do Pulmão.

No protocolo de Vento-Calor também é possível trocar o 5TA pelo 7P.

Vazio de Yin do Pulmão com secura: 5P, 6BP, 6R

6R nutre os líquidos orgânicos combatendo a secura e nutre Yin.

6BP é essencial para a nutrição do Yin geral e o 5P nutre Yin do Pulmão.

Outra hipótese seria trocar o 6R pelo 4R.

Em casos de Vazio de Yin do Pulmão e Rim pode fazer-se adição de pontos do mesmo meridiano como 4R ou 6R com 27R.

Humidade-Mucosidade no Pulmão: 17VC, 5P, 40E

Muitas vezes o 5P também é aconselhado em quadros de Humidade.

A combinação 40E e 17VC elimina Humidade-Mucosidade do AS.

Outros pontos a adiconar: 36E, 9BP, 20BP.

Humidade-Mucosidade-Calor no Pulmão: 10P, 9BP, 40E, 17VC

Recorremos à combinação 9BP, 40E, 17VC para eliminar Humidade-Mucosidade do AS e ao 10P para eliminar calor do Pulmão.

Outros pontos a adicionar: 4IG, 11IG.

Vazio de Qi do Baço e Pulmão: 12VC, 20B, 2BP, 9P

O 20B e 12VC são pontos de órgãos com grande acção na tonificação do Qi do Baço.

O 2BP e 9P são os pontos de tonificação dos órgãos afectados.

Outros pontos a usar: 4BP, 34E, 6BP, 21B, 17VC.

O 1P é o Mu do pulmão e faz de intersecção com o meridiano do baço, logo também poderia ser considerado com mais atenção neste padrão clínico.

Plenitude Calor do Fígado ataca o Pulmão: 2F, 10P, 6F, 6P

Neste caso recorremos aos 2º pontos Shu dos órgãos afectados (2F e 10P) para eliminar Calor.

Como estes casos costumam apresentar sintomas muito fortes adicionámos os 2 pontos de emergência dos órgãos afectados (6F e 6P).

Outros pontos a adicionar: 14F, 17VC, 7P, 3F.

Pontos sintomáticos para sintomas relevantes acompanhantes da tosse na acupuntura tradicional chinesa:

  • Expetoração: 40E
  • Rigidez na nuca: 10B, 3ID
  • Febre: 4IG, 5TA
  • Congestão nasal: 20IG, Bitong, Yintang
  • Boca e garganta secas: 6R, 9E
  • Hemoptise: 6P, 6C
  • Perda de apetite: 4BP, 36E
  • Astenia física: 12VC, 36E, 6BP
  • Dor no hipocôndrio: 14F, 24VB, 5TA
  • Propensão para acessos de raiva: 43VB, 13VB, Yintang.

Bronquite asmática

Bronquite asmática refere-se a inflamação dos brônquios e da traqueia.

Os principais sintomas são tosse, expectoração, dificuldade respiratória e desconforto retroesternal.

Bronquite asmática na acupuntura tradicional chinesa pode ser provocada por fatores exógenos ou endógenos. 

É classificada como Ke Sou (tosse) ou Chuan Zheng (asma). 

A nível de diagnóstico é possível encontrar diferentes padrões que passamos a descrever.

Diagnóstico da bronquite asmática

Vento-Frio no Pulmão

  • Tosse com expectoração branca ou esverdeada,
  • aversão ao frio,
  • febre ligeira,
  • dor de cabeça,
  • dor generalizada,
  • obstrução nasal e corrimento nasal esbranquiçado ou esverdeado,
  • língua com capa branca e pulso tenso e flutuante.

Vento-Calor no Pulmão

  • Tosse produtiva,
  • expectoração amarela (pode ser seca consoante o calor se manifeste com violência ou não),
  • boca e garganta secas,
  • dificuldade em expulsar a expetoração,
  • febre ligeira a mais forte,
  • dor de cabeça,
  • língua com ponta vermelha, pulso tenso, rápido ou flutuante.

Calor e secura no Pulmão

  • Tosse seca, a expetoração a existir pode apresentar-se escassa e pegajosa,
  • nariz seco,
  • boca e garganta seca,
  • hemoptise,
  • febre,
  • dor de cabeça,
  • dor de garganta,
  • odinofagia,
  • língua vermelha com capa amarela seca, pulso rápido.

Humidade-Mucosidade no Pulmão

  • Tosse muito produtiva,
  • expetoração pegajosa e com cheiro fétido,
  • sensação de peso no peito,
  • respiração curta,
  • distensão abdominal,
  • fezes moles,
  • língua com capa branca e pegajosa, pulso deslizante.

Plenitude Calor do Fígado ataca o Pulmão

  • Tosse que agrava em casos de dor no hipocôndrio,
  • tosse que agrava com acesso de raiva,
  • expetoração escassa amarela e seca,
  • tosse seca muitas vezes,
  • boca e garganta secas,
  • irritabilidade,
  • propensão para acessos de raiva,
  • hemoptise,
  • face vermelha,
  • olhos vermelhos,
  • obstipação,
  • língua vermelha com capa amarela e seca, pulso em corda e rápido ou tenso e cheio.

Vazio de Yin do Pulmão e Rim

  • Tosse seca ou com expetoração escassa,
  • tosse pode agravar ao fim da tarde e ser acompanhada de febre vespertina,
  • boca e garganta seca,
  • estados febris ao fim da tarde,
  • sensação de calor nas palmas da mão e planta do pé,
  • suores noturnos,
  • língua vermelha com capa fina e amarela ou sem capa, pulso fino, superficial e/ou rápido.

Vazio de Yang do Baço e Rim

  • Tosse e dispneia,
  • tosse produtiva,
  • expetoração fluida e transparente,
  • tosse agrava com esforço,
  • tosse agrava com longos períodos sem comer,
  • frio generalizado,
  • anorexia,
  • tosse agrava com frio,
  • preferência por aplicações locais de calor,
  • membros frios,
  • lombalgia,
  • língua pálida, inchada com capa fina e branca, pulso profundo e lento.

Acupuntura tradicional chinesa para bronquite asmática

Selecção de pontos base para Bronquite asmática na acupuntura tradicional chinesa:
22VC, 17VC, 13B, Dingchuan, 1P, 6P;

Selecção de pontos de acordo com padrões clínicos para bronquite asmática na acupuntura tradicional chinesa:

Vento-Frio no Pulmão: 20VB, 4IG, 9P, 7P

20VB é específico para eliminar Vento e deve dar-se primazia quando existirem sintomas fortes ao nível dos órgãos dos sentidos.

4IG igualmente, no entanto o 4IG também se usa juntamente com o 7P eliminando vento e restaurando as funções do Pulmão.

O 9P é usado para fortalecer o Pulmão tonificando o Qi e logo eliminando frio.

Outros pontos a usar: 16VG e 15VG para vento e 14VG e 13VG para frio com moxa.

Vento-Calor no Pulmão: 14VG, 11IG, 10P, 7P

11IG, 10P eliminam calor sendo o primeiro mais geral. O 11IG também fortalece o sistema defensivo.

14VG elimina Vento e Calor e o 7P elimina vento.

Outros pontos a usar: 4IG elimina calor e Vento e ajuda a fortalecer o sistema defensivo juntamente com o 11IG.

Calor e Secura no Pulmão: 5P, 10P, 14VG, 6R

10P e 14VG eliminam calor enquanto que o 5P e 6R nutrem o Yin e tem capacidade de restaurar os líquidos orgânicos.

O 6R é usado em pacientes com boca e garganta seca (xerostomia) entre outras queixas.

Humidade-Mucosidade no Pulmão: 36E, 40E, 20B, 9BP

9BP elimina Humidade e 40E elimina Mucosidade.

O 36E tem uma vasta gama de acções entre as quais a capacidade de eliminar Humidade e Tonificar o Qi do BP.

Neste caso ao usarmos o 36E e 20BP partimos do princípio que este órgão pode estar envolvido.

Uma das funções do BP é a metabolização dos líquidos orgâncios. Quando esta função falha surge a Humidade.

Por outro lado num caso de invasão de Humidade externa esta função do baço fica afetada pelo que se deve fortalece-lo.

Outros pontos a usar no tratamento de bronquite asmática na acupuntura tradicional chinesa: 17VC, 12VC ou 6VC consoante o envolvimento do AS, AM ou AI.

6BP para eliminar Humidade e fortalecer o BP.

Plenitude Calor do Fígado ataca Pulmão: 2F, 10P, 6P, 6C

Esta é uma combinação vocacionada para a eliminação de Calor (2F e 10P) em casos com sintomas de alguma gravidade (6P e 6C).

Estes 2 pontos são pontos de emergência usados em casos agudos ou em problemas hemorrágicos nos meridianos Yin.

Vazio de Yin do Pulmão e Rim: 23B, 3R, 43B, 6BP

6BP e 3R é uma combinação base para nutrir o Yin que juntamente com o 23B nutre o Yin do Rim.

Ao adicionar-se 43B garante-se a nutrição do Yin do Pulmão.

Outros pontos a usar para bronquite asmática na acupuntura tradicional chinesa: 5P além daqueles presentes no protocolo base.

Vazio de Yang do Baço e Rim: 20B, 23B, 4VC, 36E, 4VG

36E, 4VC e 20B garantem a tonificação do BP e o 4VG e 23B fazem a suplementação do Yang do Rim.

O 36E enquanto ponto geral suplementa o Yang geral e o 4VC suplementa o Yang e tonifica o Yuan Qi.

Outros pontos a usar: 21B, 12VC, 6BP, 2BP, 4BP, 30E, 6VC, 8VC.

Pontos para sintomas mais severos na acupuntura tradicional chinesa:

  • Hemóptise (tosse com sangue): 6P
  • Suores nocturnos: 6C, 3ID
  • Disúria (dor ao urinar): 3VC, 6BP, 9BP
  • Febre e calafrio: 20VB, 12B
  • Febre alta: 14VG, 11IG
  • Tosse intensa: 22VC
  • Obstrução nasal ou rinorreia: 20IG, Bitong e Yintang
  • Expetoração profusa: 40E
  • Dor torácica e hipocondríaca: 17VC, 34VB, 6TA
  • Boca e garganta secas: 6R, 22VC.

bronquite crónica acupuntura chinesa

Asma

Asma na acupuntura tradicional chinesa é classificada como Xiao Chuan (asma).

Na medicina ocidental encontra-se classificada como uma doença obstrutiva das vias respiratórias. É uma doença obstrutiva reversível.

A doença pulmonar crónica obstrutiva é parcialmente reversível e o enfisema é irreversível.

Diagnóstico da asma na acupuntura tradicional chinesa

Invasão de Vento-frio no Pulmão

  • Dispneia,
  • expectoração branca ou esverdeada,
  • aversão ao frio e vento, febre,
  • cefaleia sem sudação,
  • ausência de sede,
  • língua pouco pálida com capa branca e pulso flutuante e tenso.

Mucosidade–Calor no Pulmão

  • Asma,
  • dispneia,
  • sensação de peso e opressão torácica,
  • respiração curta mas estridulenta,
  • tosse com som alto,
  • expectoração amarela e pegajosa que sai com dificuldade,
  • boca seca,
  • febre,
  • sede,
  • língua vermelha com capa amarela e pegajosa, pulso deslizante e rápido.

Mucosidade-Frio no Pulmão

  • Asma,
  • respiração curta,
  • dispneia,
  • sensação de peso e opressão torácica,
  • tosse com expectoração branca e pegajosa,
  • língua pálida com capa pegajosa, pulso flutuante e tenso.

Vazio de Qi do Baço e Pulmão

  • Tosse e expectoração fluída,
  • dispneia,
  • respiração curta,
  • tosse com som baixo,
  • falta de força para falar,
  • agravamento sintomático após esforço físico,
  • agravamento após refeições pesadas ou após muito tempo sem comer,
  • preferência por calor e agravamento pelo frio,
  • sudação espontânea,
  • apetite pobre,
  • fezes moles,
  • língua ligeiramente colorada com capa fina e branca, pulso fino e suave.

Vazio de Yin do Pulmão e Rim

  • Respiração curta,
  • dispneia,
  • tosse com expectoração escassa,
  • zumbidos e tonturas,
  • comichão e fraqueza dos membros inferiores,
  • sudação nocturna que pode ser mais localizada no peito,
  • sensação de calor no peito,
  • preferência de aplicações locais de frio,
  • febre vespertina,
  • língua vermelha com pouca ou nenhuma capa, pulso fino e rápido.

Vazio de Yang do Coração e Rim

  • Asma,
  • respiração curta,
  • membros frios ou frio generalizado,
  • aversão ao frio,
  • suspiros,
  • edema,
  • palpitações,
  • sudação profusa que agrava com frio e melhora com calor,
  • lábios cianóticos,
  • língua púrpura com equimoses, com capa branca, pulso fino, profundo e fraco.

Vazio de Yang do Pulmão e Rim

  • Asma,
  • respiração curta agravada pelo esforço,
  • aversão ao frio,
  • frio generalizado,
  • edema,
  • frio e fraqueza da região lombar e membros inferiores,
  • urina escassa ou poliúria,
  • língua pálida e inchada com capa branca e pegajosa, pulso fraco e profundo.

Acupuntura tradicional chinesa para tratar asma

Seleção de pontos para asma na acupuntura tradicional chinesa: 22VC, 17VC, 7P, 1P, 13B, Dingchuan. Se quisermos ainda podemos recorrer aos jiaji da 1D até 7D, 6P.

Selecção de pontos de acordo com os padrões clinicos na acupuntura tradicional chinesa:

Invasão de Vento-Frio no Pulmão: 12B, 13B, 4IG, 7P, 9P

Nesta combinação estão subjacentes 3 princípios:

  1. eliminar vento (4IG, 12B),
  2. fortalecer o Pulmão e eliminar Vento (7P, 13B),
  3. fortalecer o Pulmão aquecendo-o (9P).

Outros pontos a usar para asma na acupuntura chinesa: 11B e Bailao.

Mucosidade-Calor no Pulmão: 40E, 10P, 14VG

O 40E elimina Mucosidade e o 10P e 14VG eliminam Calor.

O 14Vg é mais geral do que o 10P tendo, no entanto, uma acção mais forte a nível do AS onde se situa o Pulmão.

Outros pontos a usar para asma na acupuntura tradicional chinesa: 9BP ou 6BP em caso de Humidade com o ponto 21BP.

Esta combinação pode ser usada na presença de respiração rápida e curta com sensação de peso no peito e astenia generalizada.

Mucosidade-Frio no Pulmão: 40E, 9P

O 40E elimina Mucosidade e o 9P tonifica o Qi e suplementa o Yang do Pulmão aquecendo-o.

Outros pontos a usar para asma na acupuntura tradicional chinesa: 14VG, 13VG (principalmente com moxa).

Vazio de Qi do Baço e Pulmão: 13B, 20B, 36E, 12VC, 17VC

O 36E é geral para o Vazio de Qi e também apresenta uma acção muito forte no AM (a nível do BP e Estômago).

13B e 20B são Shu das costas dos órgãos afectados (Pulmão e BP respectivamente) e 12VC e 17VC são pontos que tonificam o Qi no AM e AS respectivamente.

De um ponto geral (36E) partimos para pontos de acção geográfica mais específica (12VC e 17VC) e para pontos de órgãos (13B e 20B).

Outros pontos a usar para asma na acupuntura tradicional chinesa: 9P, 2BP, 3BP, 4BP, 6BP, 30E, 21B, 13F.

Vazio de Yin do Pulmão e Rim: 6BP, 3R, 23B, 5P, 1P

O 6BP e 3R fazem a nutrição geral do Yin, no entanto o 3R também é muito forte a nutrir Yin do Rim.

Assim associando estes 2 pontos temos uma nutrição forte do Yin do Rim.

Associando o 5P (nutre Yin do Pulmão) e 1P (Mu usado na nutrição do Yin do Pulmão) ficamos com uma fórmula muito forte de nutrição do Yin do Pulmão e Rim.

Outros pontos a usar para asma na acupuntura tradicional chinesa: 41B, 43B que são pontos que nutrem o Yin e são locais, 7R em substituição pelo 3R ou em adição com este ponto.

Vazio de Yang do Coração e Rim: 14VG, 4VG, 23B, 15B, 17VC

14VG, 17VC e 15B garantem a suplementação do Yang do Coração e 4VG e 23B garantem a  suplementação do Yang do Rim.

A explicação é semelhante à usada no Vazio de Qi.

Outros pontos a usar para asma na acupuntura tradicional chinesa: 13VG, 6VC, 36E, 6BP, 14VC, 14B, 17VC, 4VC, 3R, 1R, 7R.

Pontos reanimadores do Yang como 20VG podem ser usados em casos muito severos, com moxa.

6MC pode ser usado caso os sintomas cardíacos se manifestem com alguma severidade.

Vazio de Yang do Pulmão e Rim: 14VG, 4VG, 23B, 13B, 17VC

O protocolo é muito semelhante com adiferenças a nível dos pontos de assentimento dos õegãos envolvidos.

Pontos para sintomas mais severos:

  • Boca e garganta secas: 6R, 22VC, 9E
  • Sensação de opressão torácica: 17VC, 6MC
  • Tonturas: 20VB, 20VG, 8E
  • Zumbidos: 6TA, ponto da raiz do nervo vago. 2VB, 19ID, 21TA
  • Expetoração: 40E, 9BP
  • Problemas urinários: 6BP, 3VC
  • Lombalgia: 23B, 25B, 40B
  • Palpitações: 6MC, 17VC
  • Suores nocturnos: 6C, 3ID, 7R

Doenças do foro digestivo na acupuntura tradicional chinesa

Soluços

Soluço é o som provocado por espasmos diafragmáticos provocados pelo nervo frénico (frenoespasmos). Em casos graves pode afetar atividades diárias como mastigar, dormir, falar ou respirar.

Neste artigo fazemos uma análise vocacionada somente para o soluço e não entramos em linha de conta com outros padrões onde o soluço pode ser um sintoma secundário apesar de incomodativo.

Soluços na acupuntura tradicional chinesa classificam-se como E Ni (soluços).

Diagnóstico de soluços

Em acupuntura tradicional chinesa consideram-se 4 padrões principais.

Estagnação de Qi do Fígado

  • Soluços frequentes desencadeados por estados emocionais,
  • dor no hipocôndrio tipo distensão,
  • dor tipo distensão no peito,
  • disforia,
  • língua com varicosidades sublinguais, pulso tenso em corda.

Estase de Alimentos

  • Soluços de som alto,
  • agrava após as refeições (geralmente estes pacientes comem muito depressa),
  • distensão abdominal e epigástrica,
  • eructações,
  • mau hálito,
  • anorexia,
  • língua com capa geográfica ou pegajosa, pulso deslizante.

Estase de frio no estômago

  • Soluços de som alto,
  • gastralgia,
  • agravamento pelo frio,
  • intolerância a alimentos frios e preferência por alimentos quentes ou de natureza quente,
  • língua com capa branca e espessa, pulso tenso e lento.

Vazio de Qi do Estômago

  • Soluços de som baixo e não muito frequentes,
  • astenia física,
  • agravamento após longos períodos sem comer,
  • agravamento após desgaste físico,
  • língua pálida marcada pelos dentes, pulso fino e fraco.

Acupuntura tradicional chinesa para soluços na medicina chinesa

Seleção de pontos para soluços na acupuntura tradicional chinesa: 17B, 19E, 21E, 6MC, 12VC

Os pontos 17B, 6MC e 12VC são os principais. Os outros 2 pontos são locais e podem ser usados para potencializar o efeito dos primeiros pontos.

Outros pontos a usar: 14VC, 13VC.

Existem relatos acerca do uso dos 17TA ou 4MC com ventosa simultânea sobre 13VC. Os relatos indicam bons resultados clínicos.

Selecção de pontos de acordo com os padrões clinicos:

Estagnação de Qi do Fígado: 14F, 34VB, 3F

Estes 3 pontos de acupuntura são dos principais para mover o Qi do Fígado. No protocolo base já se encontra o ponto 6MC que também é dos principais pontos para mover o Qi do Fígado.

Outros pontos a usar: 4 portões, 36E, 6BP.

Estase de alimentos: 13VC, 10VC, 24E, 36E

Este protocolo serve para regularizar o estômago.

O único distal é o 36E e desta forma conseguiríamos um protocolo final com uma vasto número de pontos locais (19E, 21E, 24E, 13Vc, 12VC, 10VC) o que seria muito bom para este tipo de padrão.

Outros pontos a usar para tratar soluços na acupuntura tradicional chinesa: 4BP.

Estase de frio no estômago: 36E, 10VC

Neste protocolo temos o 36E que é excelente a tonificar o Qi e consequentemente a aquecer o organismo.

Também, com agulha quente adicionaríamos o 10VC que seria útil no combate ao frio.

Vazio de Qi do Estômago: 36E, 6BP

Este protocolo é muito simples. Estes 2 pontos tem forte acção a tonificar o Qi e a regular o Estômago.

Outros pontos a usar: 4BP, 2BP, 20B, 21B, 13F, 3BP.

Úlcera gástrica

Úlcera gástrica ou úlcera péptica é o nome de lesões que surgem na mucosa gástrica ou na mucosa duodenal. Os sintomas característicos são:

  1. dor abdominal,
  2. vómitos,
  3. regurgitação ácida,
  4. alterações de apetite.

Existem pequenas diferenças de diagnóstico entre a úlcera gástrica e duodenal.

Quando o Estômago se encontra afectado o aparecimento de dor ocorre entre 30 minutos e 2 horas após ingestão de alimentos e quando é o duodeno a parte afetada a dor surge 3 a 4 horas após a ingestão de alimentos e alivia com a refeição seguinte (Yin, 2000).

Em acupuntura tradicional chinesa a úlcera gástrica classifica-se como Wei Wan Tong (dor epigástrica).

Diagnóstico da úlcera gástrica de acordo com a acupuntura tradicional chinesa

Estagnação de Qi do Fígado ataca o Baço

  • Dor epigástrica tipo distensão que pode afectar os hiponcôndrios,
  • regurgitação ácida,
  • eructações,
  • sintomas agravados com estados emocionais,
  • irritabilidade,
  • fezes moles,
  • língua vermelha ou normal, com varicosidades sublinguais, pulso tenso em corda.

Vazio de Yin do Estômago

  • Dor epigástrica tipo moinha,
  • melhora com pressão de algo frio,
  • fome sem vontade de comer,
  • agravamento dos sintomas após ingestão de comida,
  • preferência por líquidos e alimentos frios,
  • suores nocturnos,
  • sensação de calor nas palmas das mãos e plantas dos pés,
  • língua vermelha sem capa, pulso fino, rápido e superficial.

Plenitude Calor no Fígado e Estômago

  • Dor epigástrica que agrava com calor e pressão,
  • preferência por alimentos frios e aplicações locais de frio,
  • intolerância a alimentos quentes,
  • hematemeses,
  • boca e garganta secas,
  • febre,
  • sabor amargo na boca,
  • irritabilidade,
  • língua vermelha com capa espessa e amarela, pulso cheio e rápido.

Estagnação de Qi e Estase de Sangue

  • Dor epigástrica tipo facada muito fixa,
  • agrava com pressão,
  • possível palpação de massas,
  • hematemeses,
  • agrava após as refeições,
  • melenas,
  • possível agravamento à noite,
  • língua púrpura com varicosidades subliguais e pulso tenso.

Vazio de Qi/Yang do Baço e Estômago

  • Dor epigástrica tipo moinha que melhora com pressão e calor,
  • aversão ao frio,
  • intolerância e agravamento dos sintomas com ingestão de alimentos frios,
  • agrava com períodos sem comer e melhora após as refeições,
  • astenia física,
  • fezes moles,
  • sudação profusa,
  • face pálida,
  • língua pálida e marcada pelos dentes, pulso fino, profundo e lento.

Acupuntura tradicional chinesa no tratamento da úlcera gástrica

Selecção de pontos para úlcera gástrica: 12VC, 36E, 6MC.

Esta é uma combinação de 3 pontos sintomáticos para tratar úlcera gástrica.

Outros pontos a usar: 20B, 21B, 21E, 24E, 10VC, 9VC, 11VC.

Selecção de pontos de acupuntura tradicional chinesa de acordo com os padrões clinicos:

Estagnação de Qi do Fígado ataca o Baço: 14F, 13F, 3F, 34VB

14F, 13F e 3F é uma combinação de pontos locais e distais do mesmo meridiano.

O 13F e 14F ainda são os pontos de órgão do Fígado e Baço sendo responsáveis por regular as relações entre estes 2 órgãos.

O 34VB é distal e tem função de mover o Qi do Fígado.

Outros pontos a usar: 4BP, 6BP.

Vazio de Yin do Estômago: 6BP, 3R

Esta é uma combinação base para nutrir o Yin.

Plenitude Calor do Fígado e Estômago: 44E, 2F, 43VB, 4IG

Este protocolo é totalmente dirigido para a eliminação de calor.

O 4IG é um ponto sintomático para febre e tem como função eliminar calor.

Os outros 3 pontos são 2º pontos Shu e tem como função eliminar calor dos respectivos meridianos.

A combinação 4IG e 44E é uma combinação do par Yang Ming muito boa para calor do estômago.

A combinação 2F e 43VB é uma combinação Shao Yang muito boa para eliminar calor do Fígado e Vesícula Biliar.

Outros pontos a usar: 11IG, 14VG, 5TA.

Estagnação de Qi e Estase de Sangue: 10BP, 17B, 34VB

10BP e 17B tem função de ativar o Sangue. 34VB move o Qi do Fígado.

Outros pontos a usar: 3F, 6BP.

Vazio de Qi/Yang do Baço e Estômago: 20B, 2BP, 21B, 8VC

A estes podem adicionar-se ao 36E e 12VC para garantir uma suplementação forte e eficaz do Yang do Baço e Estômago.

O 20B e 21B são os pontos de órgãos do Baço e estômago, o 8VC suplementa o Yang do Baço e elimina frio do AM e o 2BP tonifica o Baço.

Outros pontos a usar: 6BP, 6VC, 4VC

Pontos sintomáticos para sintomas relevantes que acompanhem a úlcera gástrica:

  • Melenas: 37E, 34E
  • Hematemeses: 34E, 6C, 4MC
  • Sabor amargo na boca: 40VB, 5TA
  • Astenia física: 6VC.

4BP acupuntura tradicional chinesa

Dor no hipocôndrio

A dor no hipocôndrio refere-se a dor no quadrante superior direito do abdómen.

É um sintoma que denúncia patologia fígado e vias biliares e pode ter várias origens:

1 – quisto do colédoco,

2 – discinésia biliar (vesícula preguiçosa que pode originar dor hipocondríaca, epigástrica e pós-prandial),

3 – colecistite aguda que consiste numa obstrução do canal cístico por quistos sendo os sintomas principais dor hipocondríaca, náuseas, vómitos e febre.

Afecta, principalmente mulheres de meia idade cuja alimentação seja muito rica em gorduras.

Os ataques típicos de colecistite aguda também aparecem em casos de colecistite crónica.

A remissão deste estado é caracterizado por distensão e desconforto no abdómen superior após as refeições, aversão a alimentos com muita gordura.

As causas mais comuns de dor no hipocôndrio no lado esquerdo são pancreatite aguda ou crónica.

A dor no hipocôndrio na acupuntura tradicional chinesa é classificada como Xie Tong (dor no hipocôndrio).

Diagnóstico da dor no hipocôndrio

Estagnação de Qi do Fígado e Vesícula Biliar

  • Dor no hipocôndrio unilateral ou bilateral associada a stresse emocional, esta dor não é fixa e pode estar mais associada a sensação de distensão,
  • opressão e dor hipocondríaca que pode irradiar para o ombro direito,
  • desconforto abdominal,
  • sabor amargo na boca,
  • irritabilidade,
  • dor melhora com movimento,
  • pode surgir opressão torácica e dispneia moderada,
  • eructações ou regurgitação ácida,
  • náusea e vómitos agravados por estados de irritabilidade e comida rica em gorduras,
  • apetite pobre,
  • pulso tenso em corda,
  • língua pode apresentar-se vermelha com capa amarela, presença de varicosidades sublinguais.

Estagnação de Qi e Estase de Sangue

  • Dor no hipocôndrio tipo facada ou com sensação de distensão,
  • dor que agrava com pressão e à noite,
  • possível sensação de massa à palpação,
  • pode agravar antes do período menstrual,
  • melhora com movimento,
  • língua púrpura, pulso tenso.

Vazio de Yin do Fígado

  • Dor no hipocôndrio que agrava com calor e melhora com frio,
  • agrava ao fim da tarde onde se pode fazer acompanhar de febre vespertina,
  • garganta seca,
  • palma da mão e planta do pé quentes,
  • suores nocturnos,
  • insónia,
  • língua vermelha sem capa, pulso fino, superficial e rápido.

Plenitude Calor do Fígado

  • Dor no hipocôndrio que agrava com calor,
  • preferência pelo frio,
  • cara vermelha,
  • olhos vermelhos,
  • obstipação,
  • sensação de calor na região,
  • acessos de raiva,
  • irritabilidade,
  • língua vermelha com capa amarela, pulso cheio e rápido.

Vazio de Sangue do Fígado

  • Dor no hipocôndrio moderada que agrava durante e após o período menstrual,
  • melhora com pressão,
  • astenia física e agitação psicológica,
  • insónia,
  • extremidades frias e sensação de formigueiro,
  • unhas quebradiças,
  • visão nublada,
  • período menstrual escasso ou amenorreia,
  • perdas de sangue pálido sem coágulos,
  • língua pálida nos bordos, pulso fraco e suave.

Humidade-Calor tóxico no nível Shao Yang(1)

  • Dor no hipocôndrio,
  • dor que agrava com pressão,
  • dor que melhora com frio e agrava com calor,
  • febre alternada por arrepios,
  • aversão ao frio,
  • sensação de opressão local,
  • garganta seca,
  • vertigens e zumbidos,
  • sabor amargo na boca,
  • língua vermelha com capa amarela e pegajosa ou seca ou capa branca, pulso em corda.

Humidade-Calor no Fígado e Vesícula Biliar

  • Dor no hipocôndrio de aparecimento súbito,
  • dor agrava com palpação e calor,
  • apetite pobre,
  • sabor amargo na boca,
  • náuseas,
  • vómitos,
  • febre,
  • sensação de peso no abdómen,
  • intolerância a alimentos gordurosos,
  • obstipação,
  • urina amarela,
  • olhos e face vermelhas,
  • garganta seca,
  • preferência por alimentos frios,
  • língua de cor vermelha com capa pegajosa e amarela, pulso rápido e deslizante.

Humidade-Mucosidade

  • Dor no hipocôndrio que agrava com tosse(2), com movimentos inspiratórios, expiratórios,
  • sensação de peso no hipocôndrio e peito,
  • dor que agrava com ingestão de gorduras(3),
  • respiração curta,
  • língua com capa branca e pegajosa, pulso em corda ou deslizante e profundo.

Acupuntura tradicional chinesa para tratar dor no hipocôndrio

Seleção de pontos para a dor no hipocôndrio na acupuntura tradicional chinesa: 24VB, 34VB, 14F, 6TA, Dannagxue

O 24VB e 14F são locais e o 34VB e 6TA são distais.

A combinação 24VB, 34VB e 6TA é uma combinação Shao Yang e mesmo meridiano com pontos locais e distais. Todos são sintomáticos para o tratamento desta queixa.

Outros pontos a usar para dor no hipocôndrio na acupuntura tradicional chinesa: 13F, 3F, 6MC, 40VB, 41VB, 5TA, 43VB, 18B e 19B.

Seleção de pontos para os padrões clinicos:

Estagnação de Qi do Fígado: 6MC, 3F

A este protocolo não é necessário adicionar mais pontos.

Se contarmos estes com os pontos bases ficamos com 2 combinações de 2 pares de meridianos diferentes (Shao Yang e Jue Yin), mesmo meridiano locais e distais (Vesícula Biliar e Fígado), sendo todos eles sintomáticos e com função de mover o Qi.

Estagnação de Qi e Estase de Sangue: 17B, 6MC, 6BP

O 17B ativa o Sangue, o 6MC move o Qi e regulariza o AM e o 6BP ajuda a mover o Qi, sendo também região de intersecção dos 3 meridianos Yin, ajuda a restabelecer as relações do Fígado com os outros órgãos.

Para dor no hipocôndrio na acupuntura tradicional chinesa poderíamos ainda adicionar o 10BP para o sangue.

Neste caso demos importância ao ponto 17B pois é um ponto com acção local o que vai ajudar a combater a dor.

Vazio de Yin do Fígado: 6BP, 3R, 8F

6BP e 3R para nutrir o Yin geral e 8F para nutrir Yin do Fígado.

Plenitude Calor do Fígado: 2F, 43VB

Recorremos aos 2º pontos Shu para eliminar calor. poderíamos ainda usar pontos mais gerais como 4IG.

No entanto o 2F e 43VB são os principais neste caso.

Vazio de Sangue do Fígado: 17B, 10BP, 18B

17B e 10BP para o nutrir o Sangue e 18B que é Shu das costas do Fígado para nutrir o Sangue do Fígado.

O 17B e 18B ainda são pontos locais pelo que ajudam a combater a dor.

Humidade-Calor tóxico no Shao Yang: 41VB, 5TA, 14VG, 6MC

O 41VB e 5TA são pontos de abertura dos vasos maravilhosos Dai Mai e Yan Wei Mai ajudando a regularizar o Shao Yang.

Neste caso podemos retirar o 6TA em favor do 5TA.

O 14VG elimina Calor e o 6MC regulariza o AM, em particular o Fígado.

Humidade-Calor no Fígado e Vesícula Biliar: 19B, 9BP, 12VC, 18B, 43VB

19B e 18B são Shu das costas usados para regularizar o órgão.

9BP e 12VC eliminam Humidade, com acção mais acentuada no AM e o ponto 43VB elimina calor da VB.

Outros pontos a usar para dor no hipocôndrio na acupuntura tradicional chinesa: 2F e 11IG ajudam a eliminar calor.

40E para eliminar Mucosidades ou 6BP para ajudar a eliminar Humidade.

Humidade-Mucosidade: 9BP, 12VC, 20B, 40E

Este protocolo é muito semelhante ao anterior sendo a diferença a ausência de pontos para eliminar calor.

O 20B é o Shu das costas do BP e ao fortalecer o BP permite uma melhor eliminação da Humidade.

Pontos sintomáticos de acupuntura tradicional chinesa para outros sintomas relevantes:

  • Nevralgia intercostal: jiaji e ashi
  • Febre: 4IG, 11IG, 14VC
  • Tosse: 7P, 22VC
  • Borborismos, distensão abdominal e apetite pobre: 4BP, 40VB, 36E
  • Náusea e vómito: 12VC, 6MC
  • Insónia: 7C, Anmian, 6R
  • Icterícia: 9VG
  • Visão nublada: 20VB, 37VB, 1B
  • Obstipação: 6TA, 25E, 37E

NOTAS DE FIM DE TEXTO

(1) Este padrão está mais associado ao ataque de factores patogénicos externos, No entanto os padrões internos são os mais comuns neste tipo de queixa.

(2) Caso o padrão de Humidade se deva a uma deficiência do Pulmão ou caso a Humidade afecte a função do Pulmão.

(3) Caso o padrão de Humidade esteja mais relacionado com a relação Fígado-Baço.

Icterícia

De acordo com a Medicina Ocidental este sintoma pode surgir devido a uma vasta série de problemas que afectam o Fígado e a Vesícula Biliar desde hepatite infecciosa a colecistite.

Carateriza-se por coloração amarela dos olhos, pele e urina.

Diagnóstico da icterícia na acupuntura tradicional chinesa

Clinicamente podemos dividir em a icterícia na acupuntura tradicional chinesa em 3 tipos: icterícia Yang, icterícia Yin e a icterícia aguda.

ICTERÍCIA YANG

  • Olhos e pele amarelos e lustrosos,
  • início súbito e duração curta,
  • febre,
  • urina amarela escura e escassa,
  • sede,
  • sensação de peso no corpo,
  • náusea,
  • vómitos,
  • distensão abdominal,
  • língua vermelha com capa pegajosa e amarela, pulso rápido, em corda.

Humidade-Calor com predominância de Calor

  • Corpo e olhos amarelos brilhante,
  • urina amarelo escura,
  • febre e sede,
  • agitação,
  • sensação de opulência abdominal,
  • náusea e vómito,
  • obstipação e boca seca com sabor amargo,
  • língua vermelha com capa amarela pegajosa ou seca, pulso rápido em corda

Humidade-Calor com predominância de Humidade

  • Corpo e olhos amarelos pouco ou nada brilhantes,
  • sensação de peso na cabeça,
  • sensação de opulência no abdómen e peito,
  • distensão abdominal,
  • aversão a comida com gordura,
  • distensão abdominal,
  • sensação de peso,
  • náusea,
  • fezes moles,
  • língua vermelha com capa amarela e pegajosa, pulso rápido e deslizante.

ICTERÍCIA AGUDA

  • Ataque agudo e súbito,
  • pele amarela tipo ouro escurecido,
  • febre alta e muita sede e vontade de beber líquidos frios,
  • opulência abdominal,
  • dor hipocondríaca que agrava com pressão,
  • hematemeses,
  • língua vermelha com capa amarela e seca, pulso rápido e deslizante.

ICTERÍCIA YIN

  • Pele amarela pálida ou escurecido (sem brilho),
  • aparecimento gradual e duração longa,
  • sensação de peso,
  • perda de apetite,
  • astenia,
  • aversão ao frio,
  • fezes moles,
  • língua pálida com capa branca, pulso profundo e lento

Padrões semiológicos na acupuntura tradicional chinesa

Humidade-Frio

  • Icterícia (cor amarela tipo fumo de cigarro),
  • anorexia,
  • alterações digestivas,
  • astenia,
  • aversão ao frio,
  • sensação de peso,
  • fezes moles,
  • fadiga mental (diminuição da capacidade de estudo, memorização e/ou abstração),
  • língua pálida com capa branca e pegajosa, pulso deslizante e lento ou profundo.

Estase de Sangue

  • Icterícia de cor escura,
  • dor hipocondríaca fixa que tende a agravar à noite,
  • massas no hipocôndrio,
  • urina amarelo escura,
  • língua púrpura com varicosidades sub linguais, pulso tenso.

Vazio de Qi do Baço gera Vazio de Sangue

  • Icterícia,
  • palidez,
  • astenia física e agitação mental que agrava à noite,
  • anorexia,
  • fezes moles,
  • dificuldades em fazer as digestões,
  • preferência por líquidos mornos,
  • língua pálida com capa fina e branca, pulso fino e fraco.

Acupuntura tradicional chinesa para tratar icterícia

Selecção de pontos para icterícia na acupuntura tradicional chinesa: 9VG, 19B, 34VB, 24VB

Neste protocolo base 3 pontos são locais (9VG, 19B, 24VB) e 1 é distal (34VB).

A combinação apresenta pontos sintomáticos para problemas da VB entre os quais se encontram os pontos de órgão aliados a um mar-inferior.

Icterícia Yang:

Humidade-Calor com predominância de Calor: 9BP, 4IG, 43VB, 2F

Neste caso demos preferência à selecção de pontos que eliminam calor (4IG, 43VB, 2F)  – 3F seria outra escolha possível – e seleccionamos pouco pontos para Humidade (9BP).

Outros pontos a usar: 6BP para Humidade, 11IG, 14VG e 44E para eliminar calor.

Humidade-Calor com predominância de Humidade: 9BP, 6BP, 12VC, 11IG

Pelo contrário, neste caso demos prevalência a pontos que eliminassem Humidade (9BP, 6BP, 12VC).

36E e 20B também fortalecem BP e eliminam Humidade.

Icterícia aguda: 34E, 6F, 14VG

Neste caso recorremos a um ponto forte para eliminar os sintomas de calor (14VG) e 2 pontos de emergência para combater os sintomas agudos (34E e 6F).

Icterícia Yin:

Humidade-Frio: 6BP, 36E, 2BP, 12VC

O 2BP é essencialmente tonificante, o 6BP elimina Humidade mas tem uma acção muito forte de tonificação do Qi do BP e o 36E e 12VC tanto eliminam Humidade como tonificam o Qi do BP.

O 9BP seria outra escolha possível.

Estase de Sangue: 17B, 10BP, 36E

O 17B e 10BP são especifícos para o Sangue; o 36E move Qi e ativa o sangue.

Outros pontos a usar: 4IG seria um bom auxiliar do 36E e 3F seria bom para mover o Qi do Fígado.

Vazio de Qi que gera Vazio de Sangue: 36E, 10BP, 18B, 20B

Neste caso recorreu-se ao 17B para nutrir o sangue e ao 36E que tanto tonifica Qi como nutre o sangue.

O 18B e 20B são Shu das costas do BP e F respectivamente e contribuem para uma maior eficácia da acção tonificante dos outros 2 pontos.

Pontos sintomáticos para outros sintomas relevantes que acompanham a icterícia na acupuntura tradicional chinesa:

  • Febre: 14VG, 11IG, 4IG, 5TA
  • Náuseas, vômitos: 6MC
  • Boca seca e sabor amargo na boca: 6R, 43VB
  • Hematemeses: 6P, 34E
  • Obstipação: 6TA
  • Fadiga mental: 8E, 20VG
  • Fraqueza generalizada: 4VG, 4VC, 6VC
  • Distensão abdominal: 6VC
  • Digestões lentas: 36E, 12VC
  • Fezes moles: 25E, 37E
  • Massas abdominais: Pígen.

Enterite

Enterite é marcada pela presença de dor e distensão abdominal, diarreia ou fezes moles com presença ou não de sangue.

Consistindo numa inflamação crónica dos intestinos pode ser devido à acção de microorganismos patogénicos.

A enterite na acupuntura tradicional chinesa pertence às seguintes classificações: Xie Xie (diarreia) e Xia Li (desinteria). 

De acordo com a acupuntura tradicional chinesa podem existir:

(A) desinteria vermelha;

(B) desinteria branca;

(C) desinteria vermelha e branca;

(D) desinteria com intolerância aos alimentos, “desinteria que nega os alimentos”;

(E) desinteria intermitente;

(F) desinteria de longa duração ou

(G) desinteria epidémica.

Os principais sintomas tal como classificados na acupuntura tradicional chinesa para a desinteria são:

1 – dor abdominal,

2 – sensação de peso no baixo abdómen,

3 – diarreia com sangue e pus,

4 – presença ou ausência de febre.

A presença de muito sangue indica que é “desinteria vermelha”, a presença de muito pus indica que é “desinteria branca” se os sangue e o pus se encontram em igual quantidade diz-se que é desinteria vermelha e branca.

Outros sintomas ou sinais mais complexos como pulso muito fraco, incapacidade de comer, falta de força nos membros diz-se que é “desinteria que nega alimentos”.

Se a desinteria existir e existir grande dificuldade em tratá-la diz-se que é “desinteria de duração” enquanto que na presença e ausência dos sintomas diz-se que existe “desinteria intermitente”.

A desinteria epidémica é caraterizada por um início abruto com febre e aversão ao frio (sintomas de invasão de fatores patogénicos externos), assim como perda de capacidade de controlar os membros e um rápido desenvolvimento até à morte.

Existem outras doenças com sintomas semelhantes em medicina chinesa: a doença “toxina visceral” é caraterizada pela presença de diarreia com sangue e pus.

Neste caso existe também inchaço e dor na região anal.

A doença “vento intestinal” não se deve confundir. Apesar de ser caraterizada pela presença de sangue vermelho vivo nas fezes não existe, necessariamente, diarreia.

Diagnóstico da enterite na acupuntura tradicional chinesa

A enterite na acupuntura tradicional chinesa pode ser crónica ou aguda.

Apesar de se ter definido quais as diferentes doenças que podem estar ligadas ao conceito clinico de enterite, o diagnóstico final é sempre feito pela análise de diferentes padrões clínicos.

Uma mesma doença pode apresentar variações de diferentes padrões clínicos, assim como ser caraterizada por diferentes padrões clínicos em diferentes fases de desenvolvimento da doença.

Como tal, iremos manter a designação médica ocidental de enterite aguda e crónica e focar-nos-emos mais na diferenciação dos diferentes padrões clínicos.

ENTERITE CRÓNICA

Vazio de Yang do Rim

  • Diarreia que tende a aparecer de manhã ou de madrugada,
  • dor tipo moinha que agrava com frio e melhora com calor,
  • dor melhora com palpação,
  • sensação de alívio após defecar,
  • frio generalizado,
  • lombalgia e/ou fraqueza dos membros inferiores,
  • borborismos que agravam com frio e melhoram com calor,
  • língua pálida e inchada, pulso lento e profundo.

Vazio de Qi do Baço

  • Diarreia com alimentos por digerir,
  • sintomas agravam após esforço físico,
  • dor tipo moínha que melhora com pressão,
  • aumento dos movimentos intestinais (defeca frequentemente) após comer alimentos gordurosos,
  • distensão abdominal,
  • astenia,
  • apetite pobre,
  • face pálida,
  • língua pálida e marcada pelos dentes, pulso fraco.

Estagnação de Qi do Fígado

  • Acessos de diarreia e outros sintomas intestinais desencadeados por estados emocionais,
  • dor tipo distensão no hipocôndrio,
  • alterações de apetite,
  • eructações,
  • opressão torácica,
  • língua que pode estar ligeiramente vermelha com varicosidades sublinguais, pulso tenso em corda.

ENTERITE AGUDA

Humidade-Frio

  • Borborismos,
  • distensão abdominal,
  • fezes aquosas sem cheiro,
  • sensação de peso que pode ser mais pronunciada nos intestinos,
  • dor melhora com aplicações de calor,
  • língua pálida com capa pegajosa e branca, pulso deslizante.

Humidade-Calor

  • Dor e diarreia,
  • diarreia de cor acastanhada e cheiro fétido,
  • possivelmente melenas,
  • febre,
  • sede,
  • sensação de calor ou queimadura na região anal,
  • urina escura,
  • língua vermelha com capa amarela pegajosa, pulso deslizante e rápido.

Retenção de alimentos

  • Dor abdominal que alivia após diarreia,
  • diarreia com cheiro intenso semelhante a ovos podres,
  • borborismos,
  • sensação de opulência abdominal,
  • diarreia com comida por digerir,
  • regurgitação ácida,
  • eructações,
  • gastralgias que agravam após refeições e com pressão,
  • náuseas e vómitos que agravam após refeições,
  • língua com capa espessa e pegajosa, ou geográfica, pulso em corda e rápido.

Acupuntura tradicional chinesa no tratamento de enterite

Seleção de pontos para enterite na acupuntura tradicional chinesa: 25E, 25B, 37E, 6VC

Os 3 primeiros pontos pertencem ao Intestino Grosso.

25E é Mu, 25B é Shu das costas e 37E é ponto mar-inferior.

O 6VC é usado enquanto ponto local. Os principais pontos são os 3 primeiros.

Seleção de pontos para os padrões clínicos da enterite na acupuntura tradicional chinesa:

Vazio de Yang do Rim: 4VG, 23B, 4VC, 3R

Neste protocolo demos primazia a pontos locais (aos quais deve ser colocada moxa ou agulha quente).

O único distal é o 3R que é um bom ponto para suplementar o Yang do Rim.

Outros pontos a usar para enterite na acupuntura tradicional chinesa: recuperadores do Yang com acção naquela região como 36E, 6BP, 8VC.

Vazio de Qi do Baço: 20B, 12VC, 30E, 4BP

20B é Shu das costas do Baço e 12Vc é Mu do estômago.

Estes 2 pontos são muito usados neste tipo de problema.

30E e 4BP é uma combinação usando um ponto de abertura do meridiano maravilhoso Chong Mai (4BP) e o ponto que regula o Qi nesse mesmo meridiano (30E).

Esta combinação é boa para tonificar o Baço como para combater directamente alguns dos sintomas presentes.

Outros pontos a usar para enterite na acupuntura tradicional chinesa: 2BP, 3BP, 6BP, 36E, 4VC.

Estagnação de Qi do Fìgado: 14F, 3F, 34VB, 36E

Se quisermos podemos fazer uma combinação só com os pontos do meridiano do Fígado.

Adicionar o 34VB vai potencializar o nosso tratamento.

O 36E, por outro lado, tanto ajuda a mover o Qi como regula o Sistema Digestivo, sendo, para este, de importância primordial.

Outros pontos a usar para enterite: 4IG.

Seria possível adicionar este ao 3F (combinação do 4 portões) e ao 36E. desta forma além dos 4 portões teríamos uma combinação Yang Ming.

Humidade-Frio: 9BP, 6BP, 28E, 4VC

Neste protocolo temos 2 pontos distais do mesmo meridiano (9BP e 6BP) que são uma combinação base para eliminar Humidade e 2 locais (28E e 4VC).

Destes 2 locais o 28E elimina Humidade e o 4VC, com moxa ou agulha quente, tonifica o Qi aquecendo o corpo.

Humidade-Calor: 9BP, 6BP, 28E, 4IG

Neste caso temos uma combinação semelhante.

Retira-se o 4VC pois não se pretende aquecer o corpo e selecciona-se o 4IG pois pretende-se eliminar calor.

Outros pontos a usar para enterite: 44E, 11IG ambos para eliminar calor.

Retenção de alimentos: 12VC, 36E, 21E, 24E.

Esta é uma combinação de pontos locais e distais com pontos do mesmo meridiano cuja função é regular o Estômago.

Pontos sintomáticos para outros sintomas relevantes:

  • Lombalgia: 23B, 25B, 40B
  • Opressão torácica: 17VC, 6MC
  • Dor no hipocôndrio: 6TA, 24VB, 14F, 13F, 34VB
  • Febre: 4IG, 11IG, 14VG, 5TA
  • Diarreia com alimentos por digerir: 30E, 4BP, 36E.

prolapso estômago na acupuntura chinesa

Obstipação

Obstipação e diarreia são consequências de alterações dos movimentos intestinais. Esta queixa refere-se à dificuldade em defecar.

Em acupuntura tradicional chinesa chama-se Bian Bi.

Diagnóstico da obstipação na acupuntura tradicional chinesa

Plenitude Calor no Intestino Grosso e Estômago

  • Obstipação,
  • fezes secas e dificuldade em defecar de 3 em 3 ou 8 em 8 dias,
  • fezes em forma de bola tipo ovelha,
  • dor que agrava à palpação,
  • urina escura,
  • face vermelha,
  • sede,
  • mau hálito,
  • sensação de calor nos intestinos,
  • distensão abdominal,
  • dor,
  • língua vermelha com capa amarela e pulso rápido.

Plenitude Calor do Fígado/Vesícula Biliar

  • Obstipação,
  • sensação de calor nos intestinos e hipocôndrio,
  • dor hipocondríaca que melhora com frio e agrava com calor,
  • pele local vermelha e quente ao toque,
  • face vermelha,
  • olhos vermelhos,
  • irritabilidade e tendência para acessos de raiva,
  • zumbidos,
  • tonturas,
  • cefaleia que melhora com aplicações de frio,
  • grande agitação física e psíquica,
  • boca e garganta seca e possíveis ulcerações na mucosa bucal,
  • sabor amargo na boca,
  • língua vermelha com capa amarela, pulso rápido, cheio e forte.

Estagnação de Qi do Fígado

  • Obstipação,
  • dificuldade em defecar apesar do paciente sentir urgência em faze-lo,
  • arrotos com frequência,
  • dor hipocondríaca tipo distensão,
  • sensação de opulência abdominal e intercostal,
  • distensão abdominal,
  • apetite pobre,
  • língua normal com capa fina e varicosidades sub-linguais, pulso tenso ou em corda.

Vazio de Sangue do Fígado

  • Obstipação com fezes secas,
  • tonturas,
  • face pálida,
  • palpitações,
  • visão nublada,
  • lábios pálidos,
  • unhas quebradiças em casos mais severos,
  • língua pálida com bordos pálidos, pulso fraco e em corda.

Vazio de Qi do Baço e Pulmão

  • Obstipação,
  • desejo de defecar mas incapaz de o fazer,
  • ausência de desconforto abdominal,
  • fezes normais ou moles,
  • transpiração espontânea,
  • astenia física e mental,
  • respiração curta,
  • voz fraca,
  • língua pálida e caoa branca, pulso fraco e suave.

Vazio de Yang do Rim

  • Obstipação,
  • frio generalizado,
  • muito comum na 3ª idade,
  • lombalgia que agrava com frio e melhora com calor,
  • poliúria,
  • língua pálida com capa branca, pulso profundo e lento.

Vazio de Yin do Rim

  • Obstipação,
  • suores nocturnos,
  • preferência por aplicações de frio no abdómen,
  • lombalgia que melhora com frio e agrava com calor,
  • urina escura,
  • suores nocturnos,
  • febre vespertina,
  • agitação física e psíquica,
  • boca e garganta secas,
  • língua vermelha sem capa, pulso fino, rápido e superficial.

Como tratar obstipação na acupuntura tradicional chinesa

Selecção de pontos para obstipação na acupuntura tradicionalchinesa: 25E, 37E, 25B, 6TA.

O 25E e 25B são pontos de órgão do Intestino Grosso, o 37E é o ponto mar-inferior e o 6TA é conhecido enquanto ponto sintomático para obstipação.

Outros pontos a usar: 6R em casos de Vazio de Yin ou muito calor, 12VC.

Selecção de pontos de acordo com os padrões clínicos:

Plenitude Calor no Intestino Grosso e Estômago: 15BP, 4IG, 44E

O 15BP é local que vai beneficiar a acção do 25E, o 4IG elimina calor e o 44E é o segundo ponto Shu o que o torna bom para eliminar calor.

Outros pontos a usar: 2IG, 6R (este último é mais aconselhado em padrões de Vazio de Yin).

Plenitude Calor Fígado/Vesícula Biliar: 2F, 43VB, 5TA

Uma vez que já se encontra presente o 6TA no protocolo base, então, podemos prescindir do 5TA.

Estagnação de Qi do Fígado: 3F, 6VC, 34VB

3F e 34VB são especifícos para mover o Qi do Fígado.

6VC vai mobilizar o Qi no AI.

Outros pontos a usar: 32B, 30E, 4BP.

Outra combinação possível consiste em usar os 4 portões.

Vazio de Sangue do Fígado: 10BP, 8F, 17B

17B e 10BP são especifícos para o Sangue e 8F tonifica o Fígado.

Outros pontos a usar: 20B e 36E caso o Vazio de Sangue esteja associado a Vazio de Qi e 6R caso se encontre associado a padrões de calor que esgotam os líquidos orgânicos.

Vazio de Qi do Baço e Pulmão: 36E, 20B, 13B, 12VC

O 20B e 13B são os Shu das costas do Baço e Pulmão, respectivamente.

O 12Vc é Mu do Estômago e um forte tonificante do Qi.

O 36E é um dos principais pontos para tonificar o Qi.

Neste caso, uma vez que o 36E fica perto do 37E, podemos prescindir deste último.

Outros pontos a usar: 30E, 4BP, 6BP, 2BP, 6VC, 17VC, 9P.

Vazio de Yang do Rim: 4VG, 23B, 3R

4VG, 23B e 3R é uma combinação base para suplementar o Yang do Rim.

Outros pontos a usar: 8VC, 6VC, 4VC, 7R, 1R, 6BP.

Vazio de Yin do Rim: 6BP, 3R, 6R

6BP e 3R é uma combinação base para o Vazio de Yin.

6R gera líquidos orgânicos e tonifica Yin do Rim.

A combinação também pode ficar 6BP, 6R.

Outros pontos a usar: 7R (tonifica e também é importante para os líquidos orgânicos), 2R.

Pontos sintomáticos para sintomas mais relevantes acompanhantes da obstipação na acupuntura tradicional chinesa:

  • Irritabilidade: 13VB, 6MC
  • Apetite pobre: 36E, 12VC, 4BP
  • Lombalgia: 23B, 25B, 40B
  • Tonturas: 20VB, 20VG
  • Zumbidos: 2VB, ponto da raiz do nervo vago
  • Distensão abdominal: 14F, 13F
  • Suores nocturnos: 6C, 7R
  • Boca e garganta seca: 6R, 22VC.

Prolapso Retal

Prolapso retal refere-se à descida anormal do reto.

Regra geral os pacientes apresentam uma história longa de diarreia.

Em certos casos a mucosa retal, pode inclusivamente sair para fora do anús.

Prolapso parcial é quando a mucosa sai um pouco do anús e prolapso completo é quando sai toda a parede do reto (apresenta uma mucosa longa com dobras circulares).

Prolapso retal na acupuntura tradicional chinesa é chamado de Tuo Gan (prolapso rectal).

Diagnóstico do prolapso retal

Colapso de Qi

  • Prolapso retal que surge em consequência de longo esforço físico,
  • também pode surgir em ataques de tosse ou quando se faz muito esforço para defecar,
  • pode desenvolver-se ao longo do tempo primeiro com uma sensação de afundamento do anús enquanto defeca e agravar ao longo do tempo,
  • inicialmente vai ao sítio sem ajuda da mão mas posteriormente precisa da ajuda da mão,
  • a mucosa anal apresenta-se vermelha pálida, astenia física, face pálida,
  • língua pálida e marcada pelos dentes, pulso fino e lento.

Vazio de Yang do Rim

  • Prolapso retal,
  • lentidão física,
  • aversão ao frio,
  • sensação de conforto no anús com aplicação de calor,
  • poliúria,
  • impotência,
  • lentidão física,
  • agravamento do prolapso com esforço em defecar,
  • lombalgia,
  • fraqueza dos membros inferiores,
  • língua pálida e inchada, pulso fino, profundo e lento.

Humidade-Calor no Intestino Grosso

  • Prolapso rectal acompanhado de sensação de peso e calor local (queimadura),
  • preferência por aplicações locais de frio,
  • febre,
  • sede e vontade de beber bebidas frias,
  • obstipação,
  • sensação de peso abdominal mesmo após defecar,
  • língua vermelha com capa espessa, amarela e pegajosa ou seca, pulso deslizante e rápido.

Acupuntura tradicional chinesa para tratar prolapso retal

Seleção de pontos para prolapso retal na acupuntura tradicional chinesa: 1VG, 20VG, 57B, 33B, 34B

O 33B, 34B e 1VG são locais muito bons no tratamento de problemas retais.

O 57B é ponto sintomático para hemorróides e para prolapso retal.

O 20VG é sintomático para este tipo de problema.

Neste conjunto de pontos temos 2 combinações de pontos locais e distais e do mesmo meridiano.

Outros pontos a usar para tratar prolapso retal na acupuntura tradicional chinesa: 1VC, 25B, 31B, 32B, 37E, 58B, erbai.

Seleção de pontos de acordo com os padrões clinicos:

Colapso de Qi: 4VC, 36E, 30E

Adicionando estes pontos ao 20VG ficamos com uma boa combinação para nutrir o Qi.

A combinação 36E e 30E é uma combinação de pontos locais e distais do mesmo meridiano sendo ambos muito bons para nutrir o Qi.

Outros pontos a usar: 6BP, 4BP, 20B.

Vazio de Yang do Rim: 4VG, 23B, 3R

Esta é uma combinação base para tratar Vazio de Yang do Rim.

Humidade-Calor no Intestino-Grosso: 37E, 9BP, 4IG

O 37E é ponto mar-inferior e elimina Humidade-Calor do IG.

O 4IG elimina Calor e, juntamente, com o 37E faz uma combinação de pontos do mesmo par de vasos longitudinais. O 9BP elimina Humidade.

Outros pontos a usar: 28E, 25B.

Pontos sintomáticos para sintomas relevantes:

  • Poliúria: 6R, 6BP, 3VC
  • Impotência: 2R, 2VC
  • Lombalgia: 23B, 25B, 40B
  • Obstipação: 6TA, 25B, 37E
  • Febre: 5TA, 11IG.

Doenças genito-urinárias na acupuntura tradicional chinesa

Infecção urinária

A infecção urinária é uma condição muito comum nas mulheres e pode dividir-se em Infecção urinária baixa e alta.

A diferença sintomática encontra-se na presença de sintomas sistémicos como lombalgia e febre na infeção urinária alta.

Em termos de Medicina Ocidental falamos de doenças diferentes.

Por exemplo, a cistite é uma infecção urinária baixa enquanto que a pielonefrite é uma infecção urinária alta.

Sintomas como disúria (dor ao urinar), urgência em urinar e polaquiúria (aumento da frequência urinária) são comuns tanto à infecção urinária alta como infecção urinária baixa.

Cistite classifica-se como Lin Zhen (estrangúria).

Diagnóstico da infecção urinária

Humidade-Calor na Bexiga(1)

  • Frequência em urinar,
  • polaquiuria,
  • micção em gotas,
  • sensação de peso na bexiga,
  • sensação de queimadura no trato urinário,
  • sensação de calor,
  • dor melhora com frio,
  • urina escassa e amarelo escura,
  • língua normal ou com capa amarela e pegajosa no aquecedor inferior e pulso deslizante e rápido.

Estase de Sangue

  • Frequência em urinar,
  • dor tipo facada muito severa,
  • ausência da sensação de queimadura,
  • hematúria,
  • possível palpação de massas,
  • agravamento à noite e melhora com movimento,
  • língua púrpura com varicosidades sublinguais e e pulso tenso.

Humidade-Calor no aquecedor inferior (2)

  • Frequência em urinar,
  • polaquiuria,
  • micção em gotas,
  • sensação de peso no AI,
  • sensação de queimadura no trato urinário,
  • sensação de calor,
  • dor melhora com frio,
  • urina escassa e amarelo escura,
  • febre,
  • lombalgia acompanhada de sensação de peso,
  • obstipação,
  • língua vermelha com capa amarela e pegajosa, pulso deslizante e rápido.

Vazio de Yin do rim

  • urinar em gotas (fazer xixi em gotas),
  • polaquiuria,
  • urina amarelo escura,
  • dor tipo moinha que agrava com calor,
  • sensação de queimadura ao urinar,
  • sensação de calor nas palmas das mãos e plantas dos pés,
  • suores nocturnos,
  • agitação física e psíquica,
  • febre vespertina,
  • língua vermelha sem capa, pulso fino e rápido.

Vazio de Yang do Rim

  • Polaquiuria,
  • urgência em urinar,
  • urina em gotas,
  • urina pálida,
  • dor tipo moinha que agrava com frio e melhora com calor,
  • aversão ao frio,
  • lombalgia,
  • fraqueza dos membros inferiores,
  • lentidão física,
  • zumbidos,
  • língua pálida e inchada, pulso lento, profundo e fino.

Acupuntura tradicional chinesa para infecção urinária

Seleção de pontos para infeccção urinária na acupuntura tradicional chinesa: 6BP, 3VC, 28B

3VC e 28B são, respetivamente, Mu e Shu das costas da Bexiga e o 6BP é muito usado no tratamento de problemas do sistema genito-urinários.

Seleção de pontos de acordo com os padrões clínicos:

Humidade-Calor na Bexiga: 66B, 40B, 9BP

9BP elimina Humidade, 66B é o 2º ponto Shu e elimina Calor da Bexiga e o 40B é o 5º ponto Shu e, como tal, elimina Humidade-Calor da Bexiga.

Estase de Sangue: 10BP

10BP ativa o Sangue.

Outros pontos a usar para infeção urinária na acupuntura tradicional chinesa: 36E, 17B.

Humidade-Calor no Rim: 9BP, 2R(3), 23B

9BP elimina Humidade e o 2R elimina Calor.

O 23B é o Shu das costas do Rim e fortalece a acção dos outros pontos usados.

Outros pontos a usar: 10R, 3R.

Vazio de Yin do Rim: 6R, 3R, 23B

Atendendo à presença do 6BP no protocolo base, decidimos adicionar estes pontos especifícos para o Yin do Rim.

O 6R ainda tem acção junto dos líquidos orgânicos.

Outros pontos a usar: 7R.

Vazio de Yang do Rim: 23B, 4VG, 1R

Combinação base para suplementar Yang do Rim.

Outros pontos a usar para infecção urinária na acupuntura tradicional chinesa: 36E, 3R, 7R.

Pontos sintomáticos para sintomas relevantes:

  • Hematúria (sangue na urina): 10BP, 8BP, 6F, 5R
  • Sensação de peso no trato urinário: 28E, 39E, 9BP
  • Febre: 4IG, 14VG, 5TA
  • Suores noturnos: 6C, 7R, 3ID
  • Lombalgia: 40B, 4F
  • agitação psíquica: Yintang, Sishencong.

Cálculos renais

Cálculos renais ou pedras nos rins são cristais que se formam no sistema urinário (rim e ureteros, por exemplo), provocando o aparecimento de sintomas como dor tipo cólica muito intensa, disúria (dor ao urinar) e/ou hematúria (sangue na urina).

Consoante a localização dos cálculos podem existir diferenças na localização da dor.

Nos cálculos renais a dor incide nos membros inferiores do lado afetado.

Quando há movimento dos cálculos renais produz-se dor muito severa e a dor irradia pelo uretero até chegar ao períneo.

Existe sensibilidade local ao toque e o Rim pode sentir-se inchado e também existe hematúria (sangue na urina).

Os cálculos no uretero provocam uma dor aguda associada a hematúria.

Se as pedras se encontrarem no terço superior do uretero a dor localiza-se na região costovertebral e irradia para o bordo superior da crista ilíaca e abdómen lateral.

Quando os cálculos descem a dor acompanha irradiando para a pélvis, vulva ou testículos e o Rim pode sentir-se inchado.

Se existirem cálculos vesicais a disúria (dor ao urinar) é mais severa no fim.

A dor localizada no baixo abdómen irradia para o períneo. Dificuldade em interromper a micção e a hematúria tende a surgir no fim da micção.

Urina frequente e urgente.

Por vezes os cálculos podem sentir-se através do toque rectal.

Se as pedras nos rins se encontrarem na uretra existe disúria, retenção urinária, urina em gotas.

Cálculos na parte anterior da uretra pode observar-se inchaço e sentir-se dor no local onde o cálculo se encontra.

Em acupuntura tradicional chinesa pode classificar-se de 3 formas diferentes:

1 – Sha Lin (disúria por urolítiase);

2 – Shi Lin (disúria por cálculos);

3 – Xue Lin (disúria complicada por hematúria).

Patologias ocidentais como cálculos renais ou infeção urinária encontram-se bem explicados nos clássicos chineses sob o nome de síndromes Lin.

Diagnóstico de pedras nos rins

Humidade-Mucosidade-Calor no aquecedor inferior

  • Dor tipo cólica no baixo abdómen e zona lombar,
  • dor contínua,
  • dor agrava com calor,
  • sensação de calor e peso local,
  • urina em gotas ou anúria súbita,
  • polaquiúria,
  • urgência em urinar,
  • hematúria,
  • piúria,
  • urina acompanhada de areia,
  • urina amarela, escassa e escura,
  • preferência por aplicações locais de frio,
  • obstipação,
  • língua vermelha com capa amarela e pegajosa, pulso deslizante e rápido.

Estagnação de Qi

  • Dor tipo distensão,
  • urina acompanhada de areia,
  • retenção urinária,
  • distensão no hipocôndrio e baixo abdómen,
  • náuseas,
  • vómitos,
  • hematúria,
  • língua com varicosidades sublinguais, pulso em corda.

Estase de Sangue

  • Dor fixa tipo facada,
  • possível palpação local de massas,
  • hematúria,
  • diminuição do débito urinário,
  • possível anúria súbita ou urina em gotas,
  • urina acompanhada de areia,
  • língua púrpura com varicosidades subliguais, pulso tenso.

Vazio de yang do Rim e Baço

  • Doença prolongada,
  • dor crónica tipo moinha que agrava com frio e melhora com calor e pressão,
  • polaquiúria,
  • urina acompanhada de areia,
  • frio generalizado,
  • aversão ao frio,
  • fezes moles ou diarreia,
  • urina em gotas de cor clara,
  • astenia,
  • lombalgia, fraqueza dos membros inferiores,
  • língua pálida e inchada, pulso lento, profundo e fino.

Vazio de Yin do Rim e Fígado

  • Doença prolongada,
  • urina em gotas,
  • urina escura,
  • urina acompanhada de ureia,
  • sensação de queimadura no trato urinário,
  • suores nocturnos,
  • febre vespertina,
  • sensação de calor nas palmas das mãos e plantas dos pés,
  • língua vermelha sem capa, pulso fino, superficial e rápido.

Acupuntura tradicional chinesa para pedras nos rins

Seleção de pontos para pedras nos rins na acupuntura tradicional chinesa: 23B, 28B, 6BP, 3VC, 3R

O 23B e 28B são os Shu das costas do Rim e Bexiga respetivamente.

O 3VC é o Mu da Bexiga.

A combinação 6BP e 3R é muito usada no tratamento de problemas urinários e é muito útil no alívio da dor.

Assim temos uma combinação do pontos anteriores e posteriores, locais e distais, com pontos sintomáticos.

Outros pontos a usar para tratar pedras nos rins na acupuntura tradicional chinesa: 40B

Seleção de pontos de acordo com os padrões clinicos:

Humidade-Calor no AI: 8F, 9BP, 66B, 2R

Esta é uma combinação baseada nos 5 pontos shu.

O 9BP e 8F são 5º pontos Shu e como tal eliminam padrões de Humidade no aquecedor inferior.

O 66B e 2R são os 2º pontos Shu dos órgãos afetados com a queixa principal e tem como função eliminar Calor.

O 8F tanto elimina Humidade como calor.

Outros pontos a usar para tratar pedras nos rins na acupuntura tradicional chinesa: 40B, 28E.

Estagnação de Qi: 3F, 34VB, 4F

O 34VB e 3F são pontos base para mover o Qi do Fígado e tem acção no AI.

O 4F move o Qi do Fìgado e alivia lombalgia decorrente da estagnação de Qi do Fígado.

Outros pontos a usar para tratar pedras nos rins: 18B, 30E, 32B, 5F, 40VB.

Estase de Sangue: 10BP

Neste caso o 10BP seria suficiente para respeitar os nossos critérios de ativação do Sangue.

Vazio de Yang do Baço e Rim: 20B, 4VG, 7R

O 20B é o ponto de assentimento do Baço.

O 4VG e 7R fazem a suplementação do Yang do Rim.

Outros pontos importantes como 3R, 6BP e 23B já se encontram no protocolo base.

Outros pontos a usar para tratar pedras nos rins na acupuntura tradicional chinesa: 12VC, 2BP, 36E.

Vazio de Yin do Rim e Fígado: 18B, 8F

A adicionar ao 6BP e 3R (combinação base para a nutrição do Yin) usamos o 8F (tonificação do Fígado) e 18B que é Shu das costas.

Outros como o 23B já se encontram presentes.

O 7R ainda tem importância para restabelecer os líquidos orgânicos.

Seleção de pontos sintomáticos para sintomas relevantes:

  • Obstipação: 6TA, 37E
  • Lombalgia: 40B, 23B, 3ID, 5F, 40VB
  • Hematúria: 10BP, 5R, 6F, 8BP
  • Suores noturnos: 7R, 6C
  • Febre: 4IG, 5TA
  • Diarreia: 25B, 37E, 4BP, 30E
  • Dor hipocondríaca: 34VB, 14F, Dannagxue.

Prostatite

Por prostatite entende-se uma inflamação, crónica ou aguda, da próstata.

A prostatite aguda é caraterizada por hematúria (sangue na urina) e dor perineal que pode irradiar para as costas, anca, coxa e testículos, aumento da frequência urinária e disúria (dor ao urinar).

A prostatite crónica é caraterizada por dificuldade em urinar, urina que sai em gotas, disfunção erétil, emissão seminal noturna, sensação de queimadura durante a micção.

Pode ser uma infeção secundária à prostatite aguda.

Em acupuntura tradicional chinesa a prostatite crónica pode classificar-se em Jing Zhuo (esperma túrbido) ou Lao Lin (estrangúria induzida por esforço).

Regra geral após micção existe libertação de líquido espesso e pegajoso da uretra.

Apresenta uma dor tipo moínha ou distensão no períneo e/ou recto, disfunção erétil e dor durante a ejaculação.

O toque retal pode ser útil para se verificar a existência de uma próstata aumentada e sensível ao toque ou mais dura e diminuída e a superfície pode ser regular ou irregular ao toque.

Diagnóstico da prostatite na acupuntura tradicional chinesa

Humidade-Calor no AI (Aquecedor Inferior)

  • Micção frequente,
  • urgência em urinar e sensação de queimadura durante a micção,
  • urina escassa e amarela,
  • sintomas de desenvolvimento rápido,
  • obstipação,
  • fezes secas,
  • secreção esbranquiçada que sai da uretra aos pingos,
  • dor perineal, lombar, sagrada, testicular,
  • febre, boca e garganta secas,
  • língua vermelha com capa pegajosa e amarela, pulso deslizante e rápido.

Estagnação de Qi e Estase de Sangue

  • Hematúria,
  • sangue no sémen,
  • sensação de opulência e dor no baixo abdómen (dor pode ser tipo facada ou tipo distensão consoante a gravidade dos quadros de Estagnação de Qi ou Estase de Sangue),
  • a dor é  das queixas mais importantes e pode irradiar para testículos, períneo ou abdómen inferior,
  • patologia pode ser de longa duração,
  • micção em gotas,
  • língua com  varicosidades sublinguais, pulso tenso em corda.

Vazio de Yin do Rim e Fígado

  • Aparece após doença prolongada,
  • dor tipo moinha no perineo,
  • emissões seminais,
  • sensação de queimadura quando urina,
  • dor acompanhada de calor,
  • urina escura,
  • lombalgia,
  • fraqueza dos membros inferiores,
  • zumbidos,
  • tonturas,
  • dor hipocondríaca,
  • febre vespertina,
  • agitação física e psíquica,
  • suores nocturnos,
  • língua vermelha sem capa, pulso fino e rápido.

Vazio de Yang do Baço e Rim

  • Aparece após doença prolongada,
  • urina pálida,
  • micção em gotas,
  • aumento da frequência urinária,
  • emissões seminais,
  • impotência,
  • frio no baixo abdómen,
  • dor tipo moinha no períneo,
  • dor que agrava com frio e melhora com calor,
  • lombalgia que melhora com pressão e aplicações de calor,
  • fraqueza dos membros inferiores,
  • zumbidos,
  • fezes moles,
  • edema,
  • língua pálida e inchada, pulso lento e profundo.

Tratamento da prostatite na acupuntura tradicional chinesa

Seleção de pontos para prostatite na acupuntura tradicional chinesa: 3VC, 6BP, 32B, zigongxue

Selecção de pontos de acordo com os padrões clínicos:

Humidade-Calor no AI: 28E, 66B, 2F, 9BP

O 9BP e 28E fazem uma combinação de pontos de meridianos acolpados, um local e outros distal, que eliminam Humidade do AI.

O 66B e 2F são 2º pontos Shu que eliminam calor.

Outros pontos a usar: 44E, 2R, 2BP, 4IG, 5F.

Estagnação de Qi e estase de Sangue: 10BP, 34VB, 6VC

10BP ativa o Sangue, 34VB move o Qi e 6VC é um ponto local que move o Qi e regula o AI.

Outros pontos a usar para prostatite na acupuntura tradicional chinesa: 30E, 3F, 36E

Vazio de Yin do Rim e Fígado: 6R, 8F, 2R

6R e 2R tem funções em nutrir o Yin do Rim e ajudam na micção.

8F é o ponto de tonificação do Fígado e ajuda a nutrir o Yin.

Outros pontos a usar: 3R, 7R, 18B, 23B.

Vazio de Yang do Baço e Rim: 23B, 4VG, 3R

Esta é uma combinação base para suplementar o Yang do Rim.

Outros pontos a usar: 1R, 36E.

Pontos sintomáticos para sintomas relevantes:

  • Obstipação: 6TA, 25E, 37E
  • Febre: 4IG, 11IG
  • Boca e garganta secas: 6R, 22VC, 9E
  • Edema dos membros inferiores: 9BP, 5F, 4R, 6R
  • Suores nocturnos: 6C, 3ID
  • Zumbidos: 2VB, ponto da raiz do nervo vago.

1VC acupuntura no baixo ventre

Disfunção erétil

Por impotência compreende-se a incapacidade do homem conseguir um ereção ou conseguir uma ereção mas que seja insuficiente para o sucesso da relação sexual.

Em acupuntura tradicional chinesa existem 3 padrões principais:

1 – padrão de plenitude – Humidade-Calor;

2 – padrão de deficiência – vazio de yang do Rim;

3 – padrão resultante da relação desarmónica entre 2 órgãos – vazio de Qi do baço e coração.

Diagnóstico da disfunção erétil na acupuntura tradicional chinesa

Humidade-Calor

  • Impotência,
  • edema e calor nos genitais externos,
  • sensação de calor,
  • comichão,
  • urina escura,
  • disúria,
  • possível hematúria,
  • dor que agrava com calor e é acompanhada de sensação de peso,
  • urina com cheiro intenso,
  • língua vermelha com capa amarela pegajosa, pulso deslizante e rápido.

Vazio de Yang do Rim

  • Impotência,
  • aversão ao frio,
  • lombalgia que melhora com pressão e aplicações de calor,
  • poliúria,
  • frio nos genitais,
  • sensação de conforto com aplicações locais de calor,
  • zumbidos,
  • lentidão física,
  • tonturas,
  • face pálida,
  • língua pálida inchada, pulso profundo e lento.

Vazio de Qi do Baço e Coração

  • Impotência,
  • diminuição do desejo sexual,
  • palpitações,
  • fezes moles,
  • sintomas podem agravar com longos períodos sem comer,
  • astenia física,
  • alterações de apetite,
  • face pálida,
  • língua pálida, pulso fraco.

Tratamento da disfunção erétil na acupuntura tradicional chinesa

Selecção de pontos para disfunção erétil na acupuntura tradicional chinesa: 6BP, 3VC, 2VC, 23B

6BP e 3VC é uma combinação simples e eficaz para tratar tanto problemas urinários como problemas relacionados com os genitais. 2VC é um ponto local importante.

Tanto no 3VC como no 2VC devemos tentar fazer com que a sensação de Qi se dirija ao pénis.

23B é o Shu das costas do Rim.

Outros pontos a usar: 32B, 33B, 34B, 1VC, 3F.

Chamar a atenção para o 32B, 33B e 34B que são relevantes no tratamento desta queixa.

O 1VC não é muito usado devido à sua localização.

No entanto é aconselhado para este tipo de problemas e quando puncionado deve procurar-se fazer o doente sentir sensação de Qi a irradiar até à glande.

Selecção de pontos de acordo com os padrões clínicos:

Humidade-Calor: 9BP, 5F, 28E

28E é local e elimina Humidade.

9BP e 5F são distais.

O 5F além de eliminar Humidade-Calor também beneficia os genitais sendo, por isso, um ponto de eleição neste tipo de queixa com este padrão especifico.

Outros pontos a usar: 10R e 8F são 5º pontos Shu e, como tal, ajudam a eliminar Humidade-Calor.

Uma vez que os principais pontos para tratar problemas no sistema genitourinário pertencem aos meridianos Yin da perna nunca devemos esquece-los.

Vazio de Yang do Rim: 4VG, 3R, 52B, 4VC

4VG, 52B e 4VC são pontos locais.

Neste caso devemos dar atenção a vários pontos locais e recorrer ao uso de agulha quente ou moxa.

Outros pontos importantes como 3VC ou 23B já se encontram no protocolo base.

Vazio de Qi do Baço e Coração: 15B, 20B, 12VC, 17VC, 36E

O 36E é um ponto geral muito forte para tonificar o Qi.

O 12VC e 17VC têm acção sobre o AM e AS respectivamente que é onde se encontram os órgãos afectados.

Além disso são muito bons para tonificar o Qi e são Mu muito relacionados com os órgãos afectados.

Finalmente temos o 15B e 20B que são os Shu das costas dos órgãos afectados.

Outros pontos a adicionar: 2BP, 4BP, 30E, 6BP.

Pontos sintomáticos para sintomas mais relevantes acompanhantes da disfunção erétil na acupuntura tradicional chinesa:

  • Hematúria (sangue na urina): 8BP, 5R, 6F
  • Lombalgia: 40B, 60B
  • Zumbidos: 2VB, 19ID, 21TA
  • Tonturas: 20VG
  • Palpitações: 6MC
  • Fezes moles: 37E, 30E


Este padrão é muitas vezes referido como declínio do fogo do Ming Men.

Como pontos de emergência podem ser usados para este tipo de queixas. No entanto, esta queixa, não se encontra entre os principais problemas a serem tratados com este ponto.

Espermatorreia

Entende-se por espermatorreia a emissão de sémen sem qualquer tipo de estimulação sexual.

É considerada patológica quando aparece várias vezes por semana ou numa mesma noite podendo fazer-se acompanhar de outros sintomas.

Espermatorreia na acupuntura tradicional chinesa tem o nome de Yi Jing (espermatorreia).

Diagnóstico da espermatorreia na medicina chinesa

Vazio de Yang do Rim

  • Espermatorreia durante o dia e noite,
  • espermatorreia aparece quando pensa ou deseja sexo,
  • poliúria,
  • lombalgia,
  • tonturas,
  • zumbidos,
  • face pálida,
  • língua pálida, pulso profundo e lento.

Vazio de Yin do Rim e Coração

  • Espermatorreia nocturna desencadeada por sonhos,
  • erecções frequentes,
  • muitos sonhos,
  • grande agitação psicológica,
  • insónia,
  • palpitações,
  • zumbidos,
  • priapismo (pénis mantêm-se erecto e com dor na ausência de estímulos físicos e/ou psicológicos),
  • língua vermelha sem capa e pulso fino e rápido.

Humidade-Calor

  • Emissões seminais que podem ser frequentes,
  • comichão nos genitais,
  • possível descamação na genitalia e zona circundante,
  • sensação de peso,
  • sémen na urina,
  • urina escura,
  • disúria,
  • polaquiúria,
  • língua vermelha com capa amarela e pegajosa na raiz, pulso deslizante e rápido.

Acupuntura tradicional chinesa para espermatorreia

Seleção de pontos para espermatorreia na medicina chinesa: 23B, 3R, 3VC, 6BP

23B e 3VC são locais e 6BP e 3R são distais. 6BP e 3VC é uma combinação base para tratar problemas do sistema genitourinário.

3R tem importância para o tratamento de problemas associados a este sistema.

Outros pontos a usar: 32B, 33B, 34B, 4VC, 2VC, 1VC.

Seleção de pontos de acordo com os padrões clinicos:

Vazio de Yang do Rim: 4VG, 4VC

Estes 2 pontos quando adicionados aos usados no protocolo base fazem uma combinação forte para o tratamento das espermatorreia.

O 4VG vai suplementar o Yang juntamente com o 3R e 23B enquanto que o 4Vc tem ação de tonificação sobre o Yuan Qi que é de natureza quente.

Outros pontos a usar: 52B, 7R, 1R.

Vazio de Yin do Rim e Coração: 15B, 7C, 7R

Uma vez que no protocolo base já se encontra a combinação base para a nutrição do Yin, aqui adicionamos somente mais alguns pontos para fortalecer a sua acção junto do Coração e Rim.

Outros pontos a usar para espermatorreia na acupuntura tradicional chinesa: 2R.

Humidade-Calor: 28E, 10R, 9BP, 5F

Nesta combinação somente 1 é local (28E). 10R elimina Humidade-Calor assim como o 5F (ainda beneficia os genitais).

O 9BP é relevante para eliminar Humidade.

Outros pontos a usar: 8F, 34VB.

Pontos sintomáticos a usar noutros sintomas relevantes:

  • Tonturas: 20VG, 20VB.
  • Zumbidos: 2VB, ponto da raiz do nervo vago.
  • Insónia: Anmian, 7C.

Menstruação irregular

Como o nome indica, este problema refere-se a alterações anormais do ciclo menstrual, da quantidade de sangue ou da cor do sangue.

No que concerne ao ciclo menstrual em si há que tomar em consideração 3 alterações básicas: ciclo curto, ciclo longo, ciclo irregular(1).

Em acupuntura tradicional chinesa chama-se Yue Jing Bu Tiao (menstruação irregular).

Na menstruação irregular costumam estar associadas alterações de ciclo e quantidade de perda de sangue.

Apesar disto nos ciclos curtos costumam existir perdas profusas enquanto que nos ciclos longos as perdas costumam ser escassas (Yanfu, 2002).

A cor do sangue menstrual, quantidade, caracterização do sangue menstrual, tipo de ciclo associados a outros sintomas acompanhantes e à língua e pulso decidem qual o diagnóstico correcto em termos de MTC (Yanfu, 2002).

O diagnóstico pode ser feito ou através da análise imediata dos padrões clínicos ou partindo da queixa especificada (ciclo curto, ciclo longo, etc…).

Ciclo curto é caracterizado por ocorrer 3 a 5 dias antes do normal ocasionalmente e se ocorrer por mais de 3 ciclos seguidos é considerado mórbido (Yanfu, 2002).

Ciclo longo é caraterizado por ocorrer 7 dias após o normal.

A menstruação ocorre de 40 em 40 dias aproximadamente e só se o ciclo se atrasar por 3 vezes consecutivas é que é considerada mórbida. Caso contrário pode ser normal.

Existem 3 pontos de diagnóstico importantes:

(I) a menstruação ocorre 7 dias mais tarde que o normal por 3 ciclos consecutivos,

(II) exclui-se a possibilidade de gravidez e

(III) exclui-se a possibilidade de doença hemorrágica se menstruação aparecer meio mês após o normal com hemorragia vaginal moderada e dor abdominal (Yanfu, 2002).

Irregularidade do ciclo menstrual é caracterizado por este ocorrer 7 dias antes ou 7 dias depois do normal.

Perdas excessivas de sangue significa que existe um aumento do fluxo de sangue ou existe um aumento do número de dias que a menstruação dura, regra geral, mais de 7 dias.

Existem 3 chaves de diagnóstico importantes:

(I) amenorreia aumenta bastante e pára passado um tempo,

(II) perdas excessivas aparecem juntamente com ciclos longos ou curtos e

(III) perdas profusas ou incessantes podem indicar a existência de metrorragias ou metrostaxis (Yanfu, 2002).

Menstruação escassa significa que a quantidade de perdas sanguíneas diminuiu ou o número de dias diminuiu para 2.

Os pontos chave de diagnóstico são:

(I) ciclo menstrual normal mas com perdas menores,

(II) a paciente não toma contraceptivos que podem alterar os sintomas (Yanfu, 2002).

Diagnóstico de acordo com a acupuntura tradicional chinesa

Plenitude Calor no Sangue

  • Ciclo curto,
  • menstruação aparece 7 dias ou mais antes do tempo previsto, em alguns casos pode aparecer 2 vezes por mês,
  • hemorragia profusas com sangue vermelho vivo ou escuro e pegajoso e/ou espesso com possível presença de coágulos (Yanfu, 2002),
  • sensação de calor e preferência pelo frio,
  • sede e vontade de beber líquidos frios,
  • lábios e boca secas,
  • febre,
  • agitação física e psíquica,
  • opressão torácica,
  • irritabilidade e acessos de raiva,
  • urina escura e escassa,
  • fezes secas,
  • língua vermelha com capa amarela e espessa, pulso cheio, forte e rápido.

Vazio de Qi

  • Ciclo curto,
  • hemorragias profusas de sangue pálido que podem durar algum tempo,
  • astenia física,
  • sonolência,
  • palpitações,
  • anorexia,
  • fezes moles,
  • agravamento da astenia após o período menstrual,
  • suores espontâneos que podem agravar na altura da menstruação,
  • respiração curta,
  • sensação de vazio no abdómen inferior (2),
  • língua pálida e marcada pelos dentes, pulso fino e fraco.

Vazio de Yin

  • Ciclo curto,
  • menstruação escassa,
  • sangue de cor escura (arroxeado) e pegajoso (3),
  • febre vespertina,
  • sensação de calor no peito,
  • solas dos pés e palmas das mãos,
  • urina escura, boca e garganta secas (4),
  • língua vermelha sem capa e seca, pulso fino e rápido.

Vazio de Sangue

  • Ciclo longo,
  • pouca perda de sangue de cor pálida,
  • dor abdominal tipo moínha que melhora com pressão,
  • sem coágulos,
  • superior a 40-50 dias,
  • dor no abdómen inferior que melhora com pressão,
  • sensação de vazio no abdómen inferior,
  • visão turva,
  • unhas quebradiças,
  • insónia,
  • tonturas,
  • palpitações,
  • língua pálida, pulso fraco e fino.

Vazio por Frio no sangue

  • Ciclo longo,
  • perdas escassas,
  • sangue de cor escura (pode ser quase negro) e com coágulos,
  • dor abdominal que alivia com calor,
  • membros frios,
  • aversão ao frio,
  • língua de cor escura com capa branca e pulso profundo e tenso.

Estase de Frio no útero

  • Ciclo longo,
  • perdas em pequena quantidade de sangue de cor escura (pode ser quase negro) e com coágulos,
  • período menstrual associado a dor fixa que agrava com frio e melhora com calor,
  • membros frios,
  • língua com capa branca e pulso tenso.

Estagnação de Qi

  • Ciclo longo,
  • perdas de pouca quantidade,
  • dor tipo distensão no abdómen inferior e região hipocondríaca,
  • perdas de cor vermelho escuro,
  • presença de coágulos,
  • distensão ou dor mamária,
  • distensão ou dor no hipocôndrio e baixo abdómen,
  • opressão torácica,
  • depressão,
  • língua com varicosidades sublinguais e pulso tenso em corda.

Estagnação de Qi do Fígado

  • Ciclos variados com perdas sanguíneas diferentes de ciclo para ciclo(5),
  • sangue de cor escura,
  • distensão no hipocôndrio e abdómen inferior,
  • alterações psiquiátricas (irritabilidade, raiva ou preferência por cantar),
  • dor que agrava à palpação,
  • distensão mamária,
  • depressão,
  • língua com varicosidades sublinguais e pulso tenso em corda.

Humidade-Mucosidade

  • Perdas escassas (6),
  • sangue de cor clara e pegajoso,
  • sensação de peso no baixo abdómen ou no corpo todo,
  • opressão torácica e náusea,
  • leucorreia pegajosa,
  • língua pálida com capa branca, espessa e pegajosa, pulso deslizante.

Estagnação de qi do Fígado com calor no sangue

  • Ciclo curto,
  • perdas excessivas,
  • sangue de cor avermelhada ou arroxeada e pegajoso,
  • distensão do hipocôndrio e mamas,
  • depressão,
  • agitação psíquica,
  • raiva,
  • sabor amargo na boca,
  • boca e garganta secas,
  • urina amarela escura,
  • fezes secas e obstipação,
  • língua vermelha com capa amarela, pulso rápido e em corda (Yanfu, 2002).

Vazio de Yin e Yang do Rim

  • Ciclos variados com perdas variadas(7),
  • sangue de cor mais clara ou pálida,
  • lombalgia,
  • fraqueza dos membros inferiores,
  • tonturas,
  • zumbidos,
  • noctúria,
  • língua normal ou pálida, com pulso fraco e profundo.

Acupuntura Tradicional Chinesa no tratem-no de menstruação irregular

Selecção de pontos para menstruação irregular: 6VC, 3VC, 6BP, zigongxue.

Esta é uma combinação muito simples com 2 pontos locais e 1 distal.

Outros pontos a usar: 4VC, 2VC, 32B, 11R, 12R, 13R.

Selecção de pontos de acordo com os padrões clínicos:

Plenitude Calor no Sangue: 10BP, 2F, 11IG

Esta é uma combinação muito forte para eliminar calor.

O 11IG é um ponto geral muito usado, o 10BP é especifico para eliminar calor do Sangue e o 2F elimina calor do Fígado (uma vez que o Fígado armazena o Sangue quando existem padrões de calor no Sangue considera-se que o Fígado também está envolvido).

Outros pontos a usar: 4IG, 5TA, 14VG, 2BP, 2R, 3F, 1BP.

Vazio de Qi: 36E, 30E

Neste caso recorre-se à combinação de pontos do mesmo meridiano locais e distais com grande acção em tonificar o Qi.

Outros pontos a adicionar: 4VC, 4BP, 20B, 23B.

Vazio de Yin: 3R

Uma vez que no protocolo base já se encontra o 6BP decidimo recorrer somente ao 3R.

Outros pontos a usar: 7R.

Vazio de Sangue: 10BP, 36E

O 10BP nutre o Sangue e o 36E tanto nutre o Sangue como tonifica o Qi.

Outros pontos a usar: 4IG que tal como o 36E tem acção de tonificção do Qi e nutrição do Sangue fortes; 17B.

Estase de Frio no útero: 4VC, 30E

Mais uma vez recorremos a 2 pontos locais muito bons no tratamento de padrões de frio (seja por excesso ou deficiência).

Outros pontos a usar: 36E, 4VC.

Estagnação de Qi do Fígado: 34VB, 3F, 36E

34VB e 3F são específicos para mover Qi do Fígado e 36E move o Qi em geral sendo muito usado.

Vazio de Yin e Yang do Rim: 4VC, 23B, 3R

Esta é uma combinação base para garantir um fortalecimento do Yuan Qi e do Rim.

Outros pontos a usar: 7R, 4VG, 14R.

Pontos sintomáticos para sintomas mais relevantes:

  • Ciclo curto: 10BP
  • Ciclo longo: 29E, 10BP
  • Ciclo variados: 3F
  • Hemorragia profusa: 8BP
  • Astenia: 36E, 12VC
  • Opressão torácica: 17VC, 6MC
  • Distensão mamária: 41VB, 17VC, 18E, 40VB, 5TA
  • Respiração curta: 22VC, 7P
  • Tonturas: 20VB, 20VG
  • Zumbidos: 2VB, raiz do nervo vago
  • Dor hipocondríaca: 14F, 3F, 6MC
  • Febre vespertina: 4IG
  • Garganta seca: 6R, 22VC
  • Dor local: 32B.

5F acupuntura tradicional chinesa

Dismenorreia

Dismenorreia, refere-se a dor no baixo abdómen que pode surgir antes, durante ou após o período menstrual.

Pode ser classificada em dismenorreia (dor menstrual) primária ou funcional e dismenorreia secundária.

Considera-se dismenorreia primária quando tem início na menarca e dismenorreia secundária quando tem início após a menarca.

Classifica a dismenorreia em acupuntura tradicional chinesa

Em MTC chama-se Tong Jing (dismenorreia ou dor menstrual).

Os pontos chave de diagnóstico são:

(1) dismenorreial que surge no baixo abdómen, antes, durante ou após a menstruação não distando desta mais de 1 ou 2 dias;

(2) a dor pode caracterizar-se de várias maneiras (moinha, facada, etc…) e pode ser localizada ou irradiar (região lombar e sagrada, vagina, anús, etc…), em quadros severos podem surgir sintomas como vómitos, suores frios, diarreia, mãos e pés frios, síncope.

(3) devem ser realizados testes médicos que permitam diferenciar a dor menstrual da dor abdominal devido a gravidez ectópica, ou outros problemas relacionados com o útero, ovários, intestinos, etc…

Em acupuntura tradicional chinesa compreendem-se 2 tipos de padrões:

(1) os padrões de plenitude são caracterizados por dor antes e durante o período menstrual, dor que agrava à pressão e

(2) os padrões de deficiência que são caracterizados por dor moinha que melhora com pressão e surge durante ou após os períodos menstruais.

Etiopatogenia da dismenorreia na acupuntura tradicional chinesa

Factores emocionais: esta causa está muito associada ao aparecimento de padrões de estagnação de qi e estase de sangue do fígado que afectam o útero.

Invasão de factores patogénicos externos: em particular padrões de humidade-frio.

Deficiência constitucional de qi e sangue ou deficiência congéntia do fígado e/ou rim.

Doença prolongada: comum em gerar padrões de vazio de qi do baço e vazio de sangue.

Vida sexual excessiva e excesso de partos: tende a gerar padrões de  vazio de sangue.

Diagnóstico da dismenorreia na acupuntura tradicional chinesa

Humidade-Mucosidade-Frio no útero

  • Dismenorreia antes e durante a menstruação,
  • dor tipo cólica, muito fixa, que agrava com frio e melhora com calor,
  • dor que agrava com palpação,
  • hemorragia escassa com sangue de cor escura e coágulos,
  • aversão ao frio,
  • membros frios,
  • língua com capa branca e pegajosa, pulso deslizante.

Estagnação de Qi e Estase de Sangue

  • Dismenorreia que aparece antes e durante o período mesntrual,
  • dor tipo distensão ou tipo facada,
  • alivia com as perdas sanguíneas,
  • dor agrava com palpação,
  • susceptível a alterações emocionais,
  • distensão hipocondríaca e mamária,
  • perdas pouco significativas com sangue de cor escura e com coágulos,
  • alívio da dor após expulsão dos coágulos sanguíneos,
  • língua púrpura com varicosidades sublinguais, pulso tenso em corda.

Vazio de Yin do Rim e Fígado

  • Dor tipo moinha,
  • melhora com pressão,
  • agrava após o período menstrual,
  • menstruação irregular,
  • sangue de cor vermelho vivo ou mais pálido,
  • sem coágulos,
  • perdas pequenas ou significativas,
  • lombalgia,
  • fraqueza dos membros inferiores,
  • visão nublada,
  • tonturas,
  • patologia genital externa,
  • zumbidos,
  • língua vermelha sem capa, pulso fino e rápido.

Vazio de Qi e Sangue

  • Dor tipo moinha que melhora com pressão,
  • surge durante ou após o período menstrual,
  • dor melhora com calor,
  • dor com sensação de prolapso,
  • sangue de cor vermelho pálido e pouco consistente,
  • hemorragia intensa ou escassa,
  • face pálida,
  • astenia física que agrava durante e após o período menstrual,
  • língua pálida, pulso fino e fraco.

PRINCÍPIOS TERAPÊUTICOS

Humidade-frio no útero: aliviar a dor, eliminar humidade, tonificar qi aquecendo os meridianos.

Estagnação de qi e Estase de sangue: aliviar dor, mover qi, ativar o sangue e regular o fígado.

Vazio de yin do rim e fígado: aliviar a dor, nutrir yin do fígado e rim. Também se pode dar atenção à nutrição do sangue do fígado.

Vazio de qi e sangue: aliviar a dor, tonificar qi e nutrir sangue, tonificar qi do baço.

Acupuntura tradicional chinesa no tratamento da dismenorreia

Selecção de pontos de para a dismenorreia: 8BP, 3F, 32B, 3VC, 6BP

32B e 3VC são locais muito importantes para tratar esta queixa.

De seguida recorremos a 3 pontos distais específicos para esta condição.

O 6BP, reuinão dos 3 Yin da perna, que juntamente com o 3VC faz uma combinação forte para este tipo de problemas.

8BP é o ponto de emergência e dos mais usados quando pretendemos tratar problemas uterinos.

O 3F é sintomático distal.

Outros pontos a usar: 4IG é muito usado para problemas uterinos.

Pode ser adicionado ou trocado por outro ponto que se encontre no protocolo base.

31B, zigongxue e títuo são bons pontos locais para tratar dismenorreia.

Seleção de pontos de acupuntura de acordo com os padrões clinicos:

Humidade-Mucosidade-Frio no útero: 4VC, 28E, 40E

40E elimina Mucosidade; 28E é local que ajuda a debelar dismenorreia e elimina Humidade e o 4VC tonifica o Qi aquecendo o baixo abdómen e diminuindo a dor.

Outros pontos a usar: 9BP é muito importante para tratar este quadro.

12R é local que ajuda a eliminar Humidade.

Estagnação de Qi e Estase de Sangue: 10BP, 30E, 14R

10BP ativa o Sangue, 30E regula o Chong Mai e move o Qi, o 14R é o ponto de intersecção do Rim com o Chong Mai regulando o Qi na região.

Outros pontos a usar: caso não se encontrem no protocolo base o 3F e 4IG (4 portões) seriam muito bons para este caso. 34VB, 6VC seriam outros a usar.

Vazio de Yin do Rim e Fígado: 3R, 8F, 23B, 18B

3R ou 7R com 23B para nutrir Yin do Rim e 8F com 18B para nutrir Yin do Fígado.

O 18B, Shu das costas do fígado, ao regular o fígado também ajuda na nutrição do sangue do fígado.

O 6BP que seria essencial nestas combinações já se encontra no protocolo base.

Vazio de Qi e Sangue: 36E, 10BP, 6VC

6VC e 36E tonificam o Qi. O 36E também nutre o Sangue e como tal auxilia a função do 10BP.

Outros pontos a usar: 8VC, 4VC, 2BP.

Pontos sintomáticos para outros sintomas relevantes:

  • Distensão mamária: 18E, 40VB, 17VC
  • Distensão hipocondríaca: 34VB, 3F, 14F
  • Patologia genital externa: 5F
  • Tonturas, 20VG, 20VB
  • Náuseas e vómitos: 12VC, 6MC
  • Zumbidos: 2VB
  • Lombalgia: 40B, 4F.

Amenorreia

Existem 2 tipos de amenorreia:

(1) amenorreia primária que é diagnosticada quando na idade de 18 anos ainda não se deu a menarca;

(2) amenorreia secundária que consiste na ausência de período menstrual durante períodos superiores a 3 meses.

Em acupuntura tradicional chinesa, amenorreia, é classificada como Jing Bi (menstruação fechada).

É comum na clinica analisar-se também a presença de dor, neste caso, dismenorreia.

Análise semiológica da medicina tradicional chinesa

Vazio de Qi do Baço e Sangue do Fígado

  • Ciclo longo ou amenorreia,
  • sangue pálido sem coágulos,
  • visão turva,
  • unhas quebradiças,
  • tonturas,
  • fezes moles,
  • anorexia,
  • língua pálida, marcada pelos dentes, pulso fino e fraco.

Vazio de Yang do Baço e Rim

  • Ciclo longo ou amenorreia,
  • sangue pálido sem coágulos,
  • aversão ao frio,
  • sensação de frio no útero,
  • dor que melhora com pressão e aplicações de calor,
  • frio nos membros inferiores ou generalizado,
  • lombalgia,
  • face pálida,
  • língua pálida e inchada, pulso profundo, lento e fino.

Vazio de Yin do Rim e Fígado

  • Ciclo longo ou amenorreia,
  • febre vespertina,
  • sensação de calor nas mãos e pés,
  • suores nocturnos,
  • tonturas,
  • zumbidos,
  • agitação física e psíquica,
  • língua vermelha sem capa, pulso fino e rápido.

Estagnação de Qi e Estase de Sangue do Fígado

  • Amenorreia durante longos períodos de tempo,
  • dor agrava à pressão,
  • irritabilidade,
  • tendência para acessos de raiva,
  • agitação,
  • possível palpação de massas,
  • sensação de opulência na região hipocondríaca,
  • língua púrpura ou vermelha com varicosidades sublinguais, pulso tenso em corda.

Estase de frio no útero

  • Amenorreia durante longos meses,
  • sensação de frio no útero,
  • preferência por aplicações locais de calor,
  • dismenorreia que agrava com frio e palpação,
  • membros frios,
  • língua com capa branca e espessa, pulso tenso e lento.

Humidade-Mucosidade

  • Amenorreia,
  • leucorreia,
  • sensação de peso no útero,
  • região hipocondríaca e peito,
  • náusea,
  • obesidade,
  • língua com capa pegajosa, pulso deslizante.

Acupuntura tradicional chinesa no tratamento de amenorreia

Selecção de pontos para amenorreia: 2VC, 3VC, 29E, 8BP, 6BP

2VC, 3VC e 29E são locais. 8BP é o ponto de emergência do Baço e muito usado para problemas uterinos.

6BP, juntamente com o 3VC é uma combinação base para tratar problemas do sistema genitourinário ou ginecológicos.

29E é, classicamente, um ponto usado para amenorreia.

Outros pontos a usar: 3R, 32B.

Selecção de pontos de acordo com os padrões clinicos:

Vazio de Qi do Baço e Sangue do Fígado: 30E, 4BP, 10BP

Neste protocolo temos um ponto para o Sangue (10BP), e uma combinação para o Qi.

O 4BP é o ponto de abertura do meridiano maravilhoso Chong Mai e o 30E regula o Qi no Chong Mai.

O 30E também é local.

Outros pontos a usar: 2BP, 20B, 18B, 17B, 3BP, 36E.

Vazio de Yang do Baço e Rim: 20B, 23B, 4VG, 8VC

Nesta combinação associámos os Shu das Costas dos órgãos envolvidos a 2 pontos com uma grande capacidade de suplementar o Yang, em particular, junto dos órgãos afectados.

O 8Vc tem grande acção a nível do AM e o 4VG é essencial na suplementação do Yang do Rim.

Outros pontos a usar: 1R, 3R, 7R, 4VC, 6VC.

Vazio de Yin do Rim e Fígado: 3R, 8F, 7R

Como o 6BP já faz parte do protocolo base, decidimos somente juntar o 3R com os pontos de tonificação dos órgãos envolvidos.

No entanto, não era absolutamente necessário ter 2 pontos do meridiano do Rim , pelo que se desejássemos, poderíamos usar só um deles.

Outros pontos a usar: 52B, 18B, 14F, 25VB, 23B

Estagnação de Qi e Sangue do Fígado: 10BP, 34VB, 3F, 14F

Nesta combinação combinamos a ação de ativar o Sangue (10BP) seguido de mover o Qi do Fígado.

Outros pontos a usar: 36E seria importante tanto para mover o Qi como o sangue.

Estase de Frio no útero: 4VC, 30E, 36E

O 4VC tem forte capacidade de aquecer e como tal contrariar os sintomas típicos deste padaro de frio.

Os 30E e 36E fazem uma combinação de pontos locais e distais do mesmo meridiano com grande capacidade tanto para mover o Qi (o frio tende a bloquear o movimento do Qi) como a tonificar o Qi e, desde logo, a aquecer o corpo.

Esta combinação também poderia ser usada no paãdorã anterior.

Outros pontos a usar: 6VC, 32B.

Humidade-Mucosidade: 28E, 6VC

Esta combinação é muito simples e usa somente 2 pontos locais.

O 6VC metaboliza a Humidade no AI e o 28E é muito usado em quadros de Humidade que afectem o AI.

Outros pontos a usar: 9BP (apesar de não estar no protocolo base, é muito importante na eliminação de Humidade).

Pontos sintomáticos para outros sintomas relevantes:

  • Visão nublada: 20VB, 37VB
  • Dor hipocondríaca: 14F, 3F, 6MC, 34VB, 24VB, 6TA
  • Opressão torácica: 17VC, 6MC
  • Suores nocturnos: 6C, 3ID, 7R
  • Zumbidos: 2VB, 19ID, 21TA
  • Tonturas: 20VB, 20VG, 16VG, 8E, Sishencong
  • Agitação psicológica: 13VB, 24VG, Yintang.

Prolapso uterino

Considera-se prolapso uterino quando o útero sai da sua posição normal para uma posição inferior.

Diagnóstico de prolapso uterino na acupuntura tradicional chinesa

Colapso do Qi

  • Sensação de algo a descer no baixo ventre,
  • útero move-se na direcção da vagina,
  • agravamento com esforço físico,
  • astenia física intensa,
  • suores espontâneos,
  • grande dificuldade em realizar as tarefas normais,
  • urina pálida,
  • leucorreia profusa com pouca consistência,
  • dificuldade em expandir a caixa torácica,
  • língua pálida e marcada pelos dentes, pulso fino e fraco.

Deficiência do Rim

  • Sensação de algo a descer no baixo ventre,
  • útero move-se em direcção à vagina,
  • lombalgia e fraqueza dos membros inferiores,
  • secura vaginal,
  • tonturas,
  • zumbidos,
  • polaquiúria,
  • poliúria,
  • urina pálida,
  • língua normal ou rosada clara, pulso profundo e fino e lento.

Tratamento de acupuntura tradicional chinesa para prolapso uterino

Selecção de pontos para prolapso uterino: 1VC, 3VC, Zigongxue, Títuo

Este é um conjunto de pontos locais muito usados no tratamento de prolapso uterino.

Outros pontos a usar: 1VG, 36E, 30E, 12R, 14R, 32B.

Seleção de pontos de acordo com os padrões clinicos:

Colapso do Qi: 20VG, 8VC, 4VC, 36E

Com agulha quente ou moxa estes pontos são bons para restaurar o Qi. Outra combinação possível seria 20VG, 8VC e 1R.

Outros pontos a usar: 14VG, 4VG, 6BP. Regra geral é mais comum que seja colapso de Qi do Baço pelo que 20B, 21B, 12VC, 4BP e 30E seriam pontos de eleição.

Deficiência do Rim: 4VG, 23B, 4VC, 1R

Esta combinação é muito forte para recuperar o Rim. 4VG e 23B suplementam o Yang, 4VC e 3R tonificam o Yuan Qi.

Outros pontos a usar: 30E, 14R, 4BP, 12R e 52B.

Pontos sintomáticos para sintomas mais relevantes acompanhantes do prolapso uterino:

  • Secura vaginal: 5F
  • Astenia física: 36E, 12VC
  • Suores espontâneos, 7R, 6C, 3ID
  • Poliúria: 6BP, 7R
  • Tonturas: 20VG
  • Zumbidos: 2VB
  • Leucorreia: 26VB, 41VB.

Infertilidade feminina

A infertilidade feminina pode ser diagnosticada em 2 situações distintas:

(1) mulher que nunca teve filhos não consegue engravidar ao longo de 3 anos de tentativas, sem nesse período ter usado contraceptivos, e recorrendo sempre a um homem saudável e

(2) uma mulher que já foi mãe tenta engravidar ao longo de 2 anos, sem sucesso.

Diagnóstico da medicina chinesa na infertilidade

Vazio de Yin do Rim

  • Incapacidade em engravidar após mais de 3 anos a tentar,
  • ciclo curto ou irregular,
  • perdas escassa com sangue vermelho vivo ou mais escuro,
  • sem coágulos,
  • agitação física e psíquica,
  • tonturas,
  • zumbidos,
  • febre vespertina,
  • suores nocturnos,
  • boca e garganta secas,
  • urina escura,
  • língua vermelha sem capa, pulso fino e rápido.

Vazio de Yang do Rim

  • Incapacidade em engravidar após mais de 3 anos a tentar,
  • menstruação irregular (ciclo longo ou ciclo irregular),
  • perdas escassas e de cor pálida,
  • possível amenorreia,
  • poliúria,
  • polaquiúria,
  • aversão ao frio,
  • dismenorreia que melhora com pressão e calor e agrava com frio,
  • dor tipo moinha,
  • língua pálida e inchada, pulso fino, profundo e lento.

Vazio de Sangue do Fígado

  • Infertilidade,
  • perdas escassas com sangue vermelho pálido,
  • sem coágulos,
  • dismenorreia tipo moinha que agrava após as menstruações e melhora com pressão,
  • astenia física,
  • visão nublada,
  • tonturas,
  • língua pálida, pulso fino.

Estagnação de Qi do Fígado

  • Infertilidade,
  • distensão hipocondríaca e no baixo abdómen,
  • menstruação irregular,
  • síndrome pré-menstrual com grande irritabilidade,
  • dismenorreia durante o período menstrual,
  • possível amenorreia ou perdas escassas de sangue mais escuro,
  • presença de coágulos,
  • língua com varicosidades sublinguais e pulso em corda.

Estase de Sangue

  • Infertilidade,
  • dismenorreia que agrava antes e tende a melhorar à medida que o período menstrual decorre,
  • dor tipo facada muito fixa,
  • possível palpação de massas,
  • amenorreia ou ciclo longo com sangue de cor vermelho acastanhado,
  • presença de coágulos,
  • língua de cor vermelha ou púrpura com vericosidades sublinguais, pulso tenso.

Estase de Frio no útero

  • Infertilidade,
  • ciclo longo ou ciclo irregular,
  • perdas escassa de sangue vermelho mais escuro,
  • dismenorreia que melhora com calor e agrava com frio,
  • dor forte que agrava com palpação,
  • frio no útero,
  • língua com capa branca e espessa, pulso tenso e lento.

Humidade-Mucosidade no útero

  • Infertilidade,
  • sensação de peso no baixo abdómen,
  • obesidade,
  • ciclo longo,
  • possível amenorreia,
  • perdas escassas de sangue espesso e pegajoso,
  • leucorreia pegajosa,
  • tonturas,
  • opressão abdominal e torácica,
  • língua com capa pegajosa e pulso deslizaste.

Infertilidade tratada com acupuntura tradicional chinesa

Ao pensar o tratamento de acupuntura clinica na infertilidade podemos dividir os protocolos em duas partes.

Um primeiro, mais geral, para infertilidade e um segundo protocolo de acupuntura na infertilidade para tratar padrões clínicos.

Selecção de pontos de acupuntura tradicional chinesa na infertilidade: zigongxue, 6BP, 3VC, 32B

Deste conjunto de pontos só o 6BP é distal.

Caso, para não prolongar o tratamento, desejemos usar pontos só à frente podemos retirar o 32B e alterá-lo por outros como 2R, 3R, 11R, 12R, 13R, 14R ou 8BP.

Selecção de pontos de acordo com os padrões clinicos:

Vazio de Yin do Rim: 23B, 2R, 13R

O 2R e 13R fazem uma combinação de pontos do mesmo meridiano locais e distais que tem capacidade de nutrição do Yin.

A estes adiciona-se o 23B que é Shu das costas do Rim, não esquecendo que já se encontram no protocolo base o 6BP e 3Vc que também possuem capacidade de nutrição do Yin.

Vazio de Yang do Rim: 23B, 4VG, 4VC

Esta é uma combinação de pontos locais, todos eles com grande capacidade de suplementação do Yang.

Outros pontos a usar: 1R, 2R, 3R, 7R e 3VG.

Vazio de Sangue do Fígado: 10BP, 8F, 3R

Neste protocolo nutre-se o sangue (10BP), tonifica-se as ações fisiológicas do fígado (8F) e do Rim (3R).

Estagnação de Qi do Fígado: 3F, 34VB

Estes 2 pontos movem o Qi do Fígado. Esta é uma combinação de 2 pontos distais de meridianos acoplados.

Outros pontos a usar: 36E, 6VC.

Estase de Sangue: 10BP, 3F

Neste protocolo um ativa o Sangue (10BP) e outro move o Qi (3F).

Outros pontos a usar: 17B.

Estase de Frio no útero: 4VC, 36E, 30E

O 4VC suplementa o Yang e e aquece o corpo.

O 36E e 30E fazem uma combinação de pontos do mesmo meridiano locais e distais muito forte a tonificação do Qi e, consequentemente, no aquecimento do corpo.

Humidade-Mucosidade no útero: 28E, 9BP, 40E

28E é local para eliminar Humidade e 40E é distal, do mesmo meridiano, para eliminar Mucosidade. O 9BP elimina Humidade.

Outros pontos a usar: 6VC.

Pontos sintomáticos para sintomas relevantes:

  • Poliúria: 7R
  • Suores nocturnos: 6C
  • Agitação psíquica: Yintang
  • Amenorreia: 29E
  • Dismenorreia: 32B
  • Leucorreia: 26VB
  • Visão nublada: 37VB, 20VB, qiuhou, shangming.

Referências Bibliográficas

DEADMAN, Peter; AL-KHARAJI, Mazin; A Manual of ACUPUNCTURE; Journal of Chinese Medicine Publications; 1ª Ed.; Sussex, 1998

DENG, Tietao; Practical Diagnosis in Tradicional Chinese Medicine; ed. Churchill Livingstone, 1ªed.; Edinburg, 1999

ENQIN, Zhang; et ally; CLINIC OF TRADICIONAL CHINESE MEDICINE (II); Publishing House of Shangai, ISBN 7-81010-2/R·137, 1ª edição, , Shangai,  1990

JUNYING, geng; Et Alli; Selecionando os Pontos Certos de Acupunctura: Um Manual de Acupunctura; Ed. Roca; 1ª Ed.; São Paulo, 1996

SIONNEAU, Philippe; GANG, Lu ; The Treatment of Disease in TCM ; Vol. 5: Diseases of the Chest, Abdomen, and Rib-side; Blue Poppy Press; 1ª Ed.; Boulder, 1998

SIONNEAU, Philippe; GANG, Lu ; The Treatment of Disease in TCM ; Vol. 6: Diseases of the Urogenital System & Proctology; Blue Poppy Press; 1ª Ed.; Boulder, 1999

SIONNEAU, Philippe; GANG, Lu ; The Treatment of Disease in TCM ; Vol. 2: Diseases of the Eyes, Ears, Nose & Throat; Blue Poppy Press; 1ª Ed.; Boulder, 1996

YANFU, Zuo; Et Alli; CHINESE ACUPUNCTURE & MOXIBUSTION; Compiled by Nanjing University of Tradicional Chinese Medicine; Publishing House of Shangai University of Tradicional Chinese Medicine; 1ª Ed.; Shangai, China, 2002

YANFU, Zuo; et ally; Gynecology of Tradicional Chinese Medicine; Publishing House of Shangai University of Tradicional Chinese Medicine; ISBN 7-81010-657-0/R·623,1ª edição, Shangai, 2002

YIN, Ganglin; Advanced Modern Chinese Acupuncture Therapy; New World Press; 1ª ed.; Beijing; China; 2000

ZHIXIAN, Long; et ally; Diagnostic of Tradicional Chinese Medicine; edited Beijing University of Tradicional Chinse Medicine, Academy Press, ISBN 7-5077-1271-0, 2ª edição, Beijing, 2002

ZHIXIAN, Long; et ally; Tradicional Chinese Internal Medicine; edited by Beijing University of Tradicional Chinese Medicine, Academy Press, ISBN 7-5077-1268-0, 1ª edição, 2000

ZHIXIAN, Long; et ally; Acupuncture & Moxibustion; edited by Beijing University of Traditional Chinese Medicine, Academy Press, ISBN 7-5077-1269-9, 1ª edição, Beijing, 1999

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.